Inadimplência no comércio de Lajeado volta a subir após seis meses de queda e chega a 24,5%

No perfil dos inadimplentes, a maioria tem entre 30 a 34 anos (16,5%), é homens (51,9%) e recebe entre um e dois salários (55%).


0

Depois de seis meses de queda, o índice de inadimplência no comércio de Lajeado voltou a subir e na última quinta-feira (5) alcançou a marca de 24,5%, contabilizando 1% de acréscimo em relação à mesma data no mês anterior. Se ampliada a abrangência para o Estado todo, o aumento foi ainda maior, saltando dos 27,8% no início de outubro para 29% em novembro, o que corresponde a uma elevação de 1,2%.

Quanto ao perfil dos inadimplentes lajeadenses, a maioria voltou a ser da faixa etária de 30 a 34 anos (16,5%) e continua a ser homens (51,9%) que recebem entre um e dois salários (55%). No Rio Grande do Sul, a maior concentração de devedores é do sexo feminino (50,4%), na faixa dos 35 a 39 anos (13,4%) com renda entre um e dois salários (51,6%). AI/RC


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui