Inflação desacelera em agosto, afirma IBGE

Puxado pela alta nos preços de alimentos e da gasolina, IPCA passou a acumular avanço de 2,44% em 12 meses, ainda abaixo do piso da meta para o ano, que é de 2,5%.


0
Com alta de 3,08% em agosto, arroz passou a acumular no ano avanço de 19,25%, segundo o IBGE (Foto: Chico Escolano/EPTV)

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, subiu 0,24% em agosto, abaixo da taxa de 0,36% registrada em julho, conforme divulgou nesta quarta-feira (9) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No acumulado em 2020, o IPCA registra alta de apenas de 0,70%, e em 12 meses, de 2,44%, ainda abaixo do piso da meta do governo para o ano, que é de 2,5%. Por outro lado, dos nove grupos de produtos e serviços pesquisados, 6 tiveram alta em agosto.

Os maiores avanços foram nos preços de transportes (0,82%) e de alimentação e bebidas (0,78%), com impactos de 0,16 e 0,15 ponto percentual, respectivamente, no índice geral. G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui