Iniciativas de Lajeado são apresentadas em São Paulo no maior congresso de Cidades Inteligentes do país

Caumo apresentou iniciativas na área da educação, como o Pacto Lajeado Pela Paz, no empreendedorismo, com o projeto Trilhas da Inovação, e na ampliação do número de parques de uso público na cidade, como o Parque Ney Santos Arruda e o Parque Piraí, além de outras ações


0
Foto: Divulgação

Iniciativas que estão sendo desenvolvidas no município de Lajeado foram apresentadas na quarta-feira (1), em São Paulo durante o Connected Smart Cities & Mobility, o maior evento de Cidades Inteligentes e Mobilidade Urbana do Brasil. O prefeito Marcelo Caumo apresentou iniciativas na área da educação, como o Pacto Lajeado Pela Paz, no empreendedorismo, com o projeto Trilhas da Inovação, e na ampliação do número de parques de uso público na cidade, como o Parque Ney Santos Arruda e o Parque Piraí, além de outras ações. Estas e outras iniciativas (veja mais abaixo) se alinham aos objetivos estratégicos da Carta Brasileira para Cidades Inteligentes, que servem como um guia para o planejamento do município para tornar-se uma chamada “cidade inteligente”.

“É uma honra para nós apresentarmos o case de Lajeado para um público como este em um evento que vem se tornando uma referência para falar de cidades inteligentes. Temos iniciativas muito positivas já em andamento e outras que ainda virão. Usamos a Carta Brasileira como norteadora das nossas ações, e queremos que nossa cidade possa servir de exemplo de como a tecnologia e projetos diferenciados podem fazer uma cidade ser inteligente e, assim, contribuir para melhorar a qualidade de vida das pessoas”, disse o prefeito, Marcelo Caumo, que fez sua apresentação durante o painel CSM 21 – Processo de construção da Carta Brasileira para Cidades Inteligentes e seus desdobramentos, cujo objetivo era contar o que é a Carta Brasileira para Cidades Inteligentes, para que e como ela pode ser utilizada pelas cidades brasileiras.

No último dia 25 de agosto, durante o evento Crie Smart Cities, realizado na Univates, Lajeado se tornou o primeiro município brasileiro a assinar a Carta Brasileira para Cidades Inteligentes, documento pelo qual o município assume o compromisso de aderir aos objetivos estratégicos da carta (veja mais abaixo). Além das ações citadas acima, Caumo também falou da PPP de iluminação pública lançada pelo município para qualificar o serviço e melhorar a eficiência do uso de recursos energéticos e conectividade, da criação de um espaço voltado à inovação, da abertura da administração à adoção de ferramentas desenvolvidas por startups, da aprovação do Plano de Mobilidade Urbana e de outras iniciativas são projetos alinhados aos objetivos de uma cidade inteligente. AI/VM

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui