Início das obras, primeira turma e vagas: o que se sabe sobre o investimento do Sesi em Lajeado

Município deverá ser o primeiro a receber a escola de Ensino Médio em tempo integral, além do contraturno para Educação Infantil


1
Superintendente do Sesi-RS, Juliano Colombo (Foto: Reprodução)

Lajeado deve ser o primeiro dos seis municípios contemplados a receber uma escola de Ensino Médio em tempo integral por meio do Serviço Social da Indústria (Sesi-RS). Conforme o superintendente do Sesi-RS, Juliano Colombo, isso será possível pois o local de instalação já possui o espaço pronto na unidade do Sesi que já existe, no Bairro Universitário.

Colombo afirma que o objetivo é a melhora da educação, tornando a escola mais atrativa e se aproximando do mercado de trabalho. Para o Ensino Médio serão 360 estudantes atendidos em turno integral, e também mais 200 vagas para crianças a partir dos 6 anos no contraturno.

Uma reunião deve definir mais detalhes a partir desta quarta-feira (1º), mas o superintendente adianta que a perspectiva é iniciar as obras no ano que vem e as aulas devem iniciar em 2025.

“O ingresso vai ser via processo seletivo. Os jovens se inscrevem, preferencialmente filhos de trabalhadores da indústria, que é nosso foco. Mas também poderão se inscrever jovens que são da comunidade e outros setores da economia”, diz.

O superintendente ressalta que Lajeado está recebendo esse investimento porque tem uma indústria forte. “É um retorno de um recurso gerado pela indústria”, pontua.

Texto: Nícolas Horn
web@independente.com.br

1 comentário

  1. Parabens pelo investimento. O SESI é uma excelente escola. Minhas filhas estudaram lá em São Paulo até virmos pra Lajeado em 2018.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui