Inquérito com 1,2 mil páginas da Operação Godfather é entregue ao Judiciário

Investigações demonstram que o grupo movimentava mais de R$ 800 mil por ano e era o principal fornecedor de maconha do Vale do Taquari, além de atuar na venda de drogas sintéticas


0
Foto: Draco

Foi entregue nesta segunda-feira (9) ao Poder Judiciário o inquérito policial que investigava a organização criminosa desarticulada pela Operação Godfather, desencadeada há um mês pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas de Lajeado (Draco) de Lajeado. O procedimento com 1,2 mil páginas foi remetido à 1ª Vara Criminal da Comarca de Estrela.

As investigações demonstram que o grupo movimentava mais de R$ 800 mil por ano e era o principal fornecedor de maconha do Vale do Taquari, além de atuar na venda de drogas sintéticas. Mais de 150 policiais integraram a operação contra o tráfico.

Dezesseis pessoas foram indiciadas, sendo que dessas, 12 ainda se encontram presas no Presídio Estadual de Lajeado. Até ontem, três pedidos de habeas corpus foram negados pelo Tribunal de Justiça. MS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui