Integrante da direção da Associação Amigos do Cristo diz que aumento é preciso devido investimentos previstos

Cerca de R$ 7 milhões serão investidos em obras de melhorias para receber os visitantes; Nesta quarta-feira (29), dia de São Pedro, haverá visitação, sendo a contribuição 1kg de alimento não perecível


0
Foto: Divulgação

Em resposta as manifestações contrárias de Gilson Conzatti, filho de Adroaldo Conzatti, ao aumento de 50% para visitar o Cristo Protetor de Encantadoas manifestações contrárias de Gilson Conzatti, filho de Adroaldo Conzatti, ao aumento de 50% para visitar o Cristo Protetor de Encantado, o integrante da direção da Associação Amigos de Cristo, Rafael Fontana, disse que o reajuste é necessário devido os investimentos previstos. “O entorno do Cristo demanda outras obras para bem receber a todos. A estatua está pronta, mas demandou uma outra preocupação nossa como acessibilidade. Precisamos de banheiros, e a preocupação com a questão de tratamento de resíduos. Além da pavimentação no Cristo como escadaria e rampas”, esclarece.

Conforme ele, se estima um valor de R$ 7 milhões em investimentos. “Todas essas melhorias vão demandar mais uns R$ 7 milhões e a viabilidade disso depende da contribuição das pessoas. Precisa haver uma forma de contribuição para a gente dar sequencia”, explica.

Fontana faz questão de ressaltar que a Associação não visa nenhum tipo de lucro. “A Associação e todos seus envolvidos são todos voluntários, e não tem fins lucrativos e não pretende ter resultados financeiros”, afirma.

A partir desta sexta-feira (01) o valor de acesso ao monumento como contribuição passará de R$ 20 para R$ 30 por pessoa. As visitas conduzidas acontecem nos sábados, domingos e feriados, das 9h as 17h. Nesta quarta-feira (29), dia de São Pedro, o Cristo terá visitação, sendo a contribuição 1kg de alimento não perecível.

Texto: Caroline Silva
jornalismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui