Israel dissolve Parlamento e ruma para 5ª eleição em 4 anos

Novo pleito foi marcado para novembro


0
Foto: Freepik

Legisladores de Israel votaram nesta quinta-feira (30) pela dissolução do Parlamento do país e a convocação de novas eleições para novembro. Isso representa o fim de um governo composto por oito partidos de diversas correntes políticas. Os israelenses irão, assim, pela quinta vez à urnas em menos de quatro anos

Yair Lapid, atual ministro do Exterior de Israel e arquiteto do governo de coalizão que chega ao fim, se tornará primeiro-ministro interino pouco após a meia-noite desta sexta-feira. Ele será a 14º pessoa a ocupar o cargo, substituindo Naftali Bennett, o chefe de governo com mandato mais curto da história de Israel, estando pouco mais de um ano no cargo.

O primeiro governo a incluir um partido árabe caiu pouco mais de um ano depois de ser formado em um movimento histórico por uma ampla coalizão, para dar fim aos 12 anos de poder do premiê Benjamin Netanyahu. A moção de dissolução foi aprovada nesta quinta com 92 votos a favor e nenhum contra. As novas eleições foram marcadas para 1º de novembro.

A medida encerra formalmente um experimento no qual oito partidos de todo o espectro político israelense tentaram encontrar um ponto em comum após um período de impasse prolongado em que o país teve quatro eleições em dois anos.

Fonte: DW Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui