“Isso é pra legalizar o consumo”, afirma Osmar Terra sobre projeto que libera medicamentos à base de maconha no Brasil

Segundo o deputado Federal, a única substância que a maconha possui, entre mais de 4 mil, que "cura alguma coisa", é o canabidiol. "Isso é pra atender 2, 3 mil crianças. Não precisa plantar no Brasil."


0
Osmar Terra (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

“Isso é pra legalizar o consumo”, afirma o deputado Federal Osmar Terra (MDB) sobre projeto que libera medicamentos à base de maconha no Brasil. A proposta da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de regulamentar o cultivo da cannabis para pesquisa e produção de medicamentos colocou o órgão em conflito com alguns dos membros do alto escalão do governo.

Para o médico de formação, ex-ministro da Cidadania e um dos líderes do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados o projeto é uma “tragédia”. “Como eles sabem que não adianta aprovar uma lei pra aprovar as drogas numa maneira geral, porque a população é contra e sofre muito com a dependência química e a violência, então eles vão por etapas. Eles fazem um projeto de lei pra aprovar o cultivo de maconha e usar a maconha como remédio no Brasil.”


Sobre o uso medicinal e a cura de doenças Terra afirma: “É uma mentira. A maconha não cura nada.” Segundo Terra, a única substância que a maconha possui, entre mais de 4 mil, que “cura alguma coisa”, é o canabidiol. “Isso é pra atender 2, 3 mil crianças. Não precisa plantar maconha no Brasil pra isso. Isso é pra liberar o consumo minha gente. Isso é pra estimular o consumo. Na Califórnia, quando liberaram a maconha medicinal, 90% das pessoas que compraram não tinham doença nenhuma. As pessoa vão no médico, dizem que tem dor nas costas, e o médico da a receita pra comprar.”

Confira também o outro tema abordado na mesma entrevista:

Texto: Rodrigo Gallas
web@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui