Johnson adia envio de vacinas que chegariam amanhã ao Brasil

Farmacêutica informou que não conseguiu despachar o carregamento; previsão é que doses cheguem ainda nesta semana


0

O carregamento com 3 milhões de vacinas da Johnson, previsto para chegar na terça-feira (15) ao Brasil, não desembarcará na data prevista. O cancelamento foi confirmado pelo Ministério da Saúde nesta segunda-feira (14). A pasta prevê, porém, que as doses devem chegar ainda nesta semana no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.

A empresa norte-americana informou que não conseguiu embarcar o carregamento nesta segunda. As vacinas têm prazo de validade até 27 de junho. Por isso, o ministério terá poucos dias para a distribuição e aplicação das doses. A estratégia da pasta prevê a distribuição em cinco dias com a utilização só nas capitais. Na última sexta-feira (11), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) se reuniu com a farmacêutica para discutir o pedido de extensão do prazo de validade da vacina no Brasil. Atualmente, o prazo aprovado pela Anvisa é de três meses, a proposta da empresa é ampliar para quatro meses e meio.

A agência reguladora dos Estados Unidos já aprovou essa extensão. A vacina é fabricada pela Janssen, braço farmacêutico da Johnson & Johnson, e é administrada em dose única, diferentemente dos outros imunizantes em aplicação no Brasil. A Anvisa autorizou o uso emergencial da vacina no dia 31 de março.

Fonte: R7

 


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui