Jovem lajeadense se banhava fora de área demarcada, diz Prefeitura de Maratá

Samuel Leandro Schwingel (26) morreu nas águas do Arroio Brochier, na Cascata Vitória.


0
Samuel Leandro Schwingel, 26 (Foto: Reprodução / Facebook)

Em nota emitida na manhã desta quinta-feira (7), a Prefeitura de Maratá, no Vale do Caí, se manifestou a respeito da morte de um jovem lajeadense na tarde desta quarta-feira (6) nas águas do Arroio Brochier, na Cascata Vitória.

Conforme o Corpo de Bombeiros de Montenegro, que foi acionado por volta das 18h, a vítima identificada como Samuel Leandro Schwingel (26), conhecido como Muca, estaria se banhando no local quando, segundo amigos, submergiu. Após cerca de meia hora de buscas o policiamento localizou o rapaz, já sem vida. O corpo foi encaminhado para necropsia no Departamento Médico-Legal (DML) de Lajeado e será sepultado às 16h desta quinta, no cemitério católico do Bairro Florestal.

Na nota, o município de Maratá lamenta profundamente a perda do jovem e se solidariza com a família. Ainda, esclarece que o parque está concedido à iniciativa privada, que realiza a manutenção e é responsável pelo local.

No entanto, há regras, definidas por lei, que os turistas devem cumprir para que possam desfrutar do local, destacando que: existe área demarcada para banho, em local que oferece mais segurança; o banho é permitido somente com a presença de salva-vidas aos finais de semana e feriados, das 13h às 19h; o grupo de turistas do qual o jovem fazia parte teria recebido o ticket de orientações e normas; o grupo também teria recebido orientações verbais por diversas vezes; e, de acordo com a administração do parque, o afogamento ocorreu cerca de 10 metros depois da área demarcada para banho, ou seja, o jovem assumiu o risco contra a própria vida. MS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui