Justiça espanhola estuda extraditar para o Brasil advogado alvo da Lava Jato


0
Foto: Divulgação

A segunda seção do Tribunal da Audiência Nacional estuda nesta quinta-feira (11) a extradição para o Brasil do suposto mentor financeiro da trama de corrupção envolvendo a Petrobras, o advogado Rodrigo Tacla Duran, preso em Madri em novembro do ano passado pelo desvio de R$ 50 milhões.

Duran, que também tem nacionalidade espanhola, foi detido em um luxuoso hotel de Madri por seu suposto envolvimento no esquema de corrupção.

Fonte: Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui