Lajeado chega aos 893 casos ativos de covid-19 nesta quarta-feira

De terça para quarta foram 146 novas pessoas infectadas


1
Foto: Reprodução / Shutterstock

O número de casos ativos de covid-19 segue aumentando em Lajeado, assim como em toda a região. Nesta quarta-feira (12) o boletim epidemiólogico do município apontou 893 pessoas infectadas pela doença. Nesta terça-feira (11) eram 758, ou seja, de um dia para outro, foram registrados mais 146 novos casos. Em uma semana, foram 817 novos casos.

Após junho de 2021, o município vinha se mantendo abaixo dos 200 casos, sendo que desde 30 de outubro sempre foram menos de 100 pessoas infectadas ao mesmo tempo. Na última quarta-feira (5) os casos ativos passaram a aumentar, indo para a casa de 214 pessoas infectadas.

Até a tarde desta quarta, dos dez leitos de UTI covid do HBB, três estavam ocupados, sendo dois com pessoas com suspeita e uma com confirmação. Na ala de internação covid haviam três pacientes com suspeita e outros três com o vírus, enquanto na observação covid apenas um paciente internado, este com suspeita. Não há nenhum paciente na espera. Apesar do aumento expressivo de novas infecções, o número não reflete de forma tão significativa, até o momento, nas internações.

Confira os números de casos ativos em Lajeado nos últimos dias:

Quarta-feira (5) – 214 (73 novos)
Quinta-feira (6) – 302 (98 novos)
Sexta-feira (7) – 373 (80 novos)
Segunda-feira (10) – 554 (207 novos)
Terça-feira (11) – 758 (213 novos)
Quarta-feira (12) – 893 (146 novos)

Texto: Caroline Silva
jornalismo@independente.com.br

1 comentário

  1. Pois é…
    Tava bom o natal sem máscara? Tava bom o revéillon na praia?
    E as festas que rolaram soltas?

    São governantes populistas que para agradar o povo, fecham os olhos para medidas de coação. Onde está a fiscalização em relação ao uso de máscara? Nos Dick, no Jardim Botânico, no calçadão da Júlio, tente identificar quantas pessoas estão sendo bons exemplos?

    Não adianta procurar serviços de saúde depois que o estrago tá feito.
    Depende de cada um de nós o fim da pandemia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui