Lajeado manterá restrições em espaços públicos nos próximos finais de semana

Apesar da classificação para bandeira laranja, locais como Praça do Papai Noel, Pico do Oito, Loteamento Urban Center e Professor Theobaldo Dick seguirão com bloqueios, conforme o coordenador Vinicius Renner.


2
Praça do Papai Noel foi interditada no último final de semana (Foto: Ricardo Sander)

Para evitar a aglomeração de pessoas e, consequentemente, a disseminação do novo coronavírus, a Prefeitura de Lajeado interditou alguns espaços públicos da cidade desde a noite de sexta-feira (7) até este domingo (9). Foram em pontos onde há circulação de pessoas, principalmente aos finais de semana. Conforme o coordenador do Departamento de Trânsito, Vinicius Renner, a avaliação é bastante positiva, tendo em vista que a população respeitou as restrições.


ouça a reportagem

 


O ponto de maior movimento foi no Pico do Oito, no Bairro Carneiros, que registrou uma pequena aglomeração e carros com volume do som alto. “Tivemos que interceder, mas foi algo simples. O que eu posso dizer, é realmente funcionou”, relata Renner. A Praça João Zart Sobrinho — Praça do Papai Noel —, no Bairro Americano, foi isolada já na noite desta sexta-feira e o Loteamento Urban Center, no Bairro Conventos, foi interditado no domingo. Esses dois locais ainda não haviam sido bloqueados. “A tendência é que, mesmo com retorno para bandeira laranja, é para continuarmos nessa mesma sistemática para evitarmos as aglomerações”, explica o coordenador.

Além desses dois pontos, a Avenida Avelino Talini, em frente à Univates, no Bairro Universitário, amanheceu fechada para tráfego de veículos no sábado (8). Já a Rua Santos Filho, no Centro, não foi interditada. O estacionamento do Parque Professor Theobaldo Dick, assim como as áreas de lazer do parque, foram interrompidos. A Avenida Piraí, no Bairro São Cristóvão, ficou disponível para trânsito de veículos, mas o Parque Piraí foi fechado.

Coordenador do Departamento de Trânsito de Lajeado, Vinicius Renner (Foto: Gabriela Hautrive)

Todas as restrições serão avaliadas ao longo da semana, e a previsão, segundo Renner, é que sejam mantidas nos mesmos locais. “A gente sabe que sempre a uma migração também, quando você fecha algum local as pessoas acabam indo para outro. Mas de momento não temos novos locais, vamos verificar isso e se preciso tomarmos alguma medida também.”

De segunda a sexta-feira (até a parte da tarde) não há interdições, porém aglomerações não são permitidas em nenhum momento, o que faz a prefeitura permanecer com ações de fiscalizações diariamente. “Se constatado qualquer aglomeração nós sabemos como proceder”, entende. O tipo de “notificação” para quem estiver descumprindo as regras é variável, dependendo da situação. “Temos conversado com as pessoas e elas se mostram bastante solicitas, então não foi preciso fazer autuações, principalmente na parte do trânsito”, relata o coordenador.

Conforme o Departamento de Trânsito, no momento não há previsão de bloqueios para outros pontos da cidade, entre eles, a Rua Júlio de Castilhos, que chegou a ter alguns trechos interrompidos no final do mês de março  devido ao grande movimento de veículos durante o final de semana.

Texto: Gabriela Hautrive
producao@independente.com.br

 

 

2 Comentários

  1. Que palhaçada estas interdições. Até parece que o coronavirus só é transmitido aos finais de semana. A praça do papai Noel está sempre lotada todos os dias por volta das 17 horas. Mas se for de segunda a sexta, a aglomeração está liberada.

  2. deixa eles fecharem ,tem muitos lugares legais pra sentar e tomar um chimarrão ou uma cervejinha ,durante a semana se vê mercados cheio ,padarias e até lojas ,lotéricas nem se fala ,foram a enorme fila na Caixa federal ,soltam os presos pra não pegarem corona ,mas matar e assaltar pode ,e aí trancam o cidadão de bem em casa ,o tal pico que tanto falam e mentem pois nem quem sabe já não sabe mais ,vamos ficar em casa e não sair tbm no dia que tiver eleição ,porque no dia da eleição vai pode sair com certeza .se não morremos de corona vamos morrer solitarios e psicóticos .

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui