Libra sobe com renúncia de Johnson, mas não indica otimismo do mercado

Máxima "ativos caem no boato e sobem no fato" tem se provado nesse contexto, antecedido por intensos desgastes na economia britânica


0

A renúncia do primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, nesta quinta-feira (7) acontece em meio a uma sucessão de crises de seu governo — o desgaste da economia britânica incluso.

Ao momento do anúncio, no entanto, tanto a Bolsa de Londres quanto a libra-esterlina registravam altas. Parece contra-intuitivo o mercado reagir positivamente a uma crise política, não fosse o cenário que antecede a queda de Johnson.

Segundo dados divulgados em maio, a inflação do Reino Unido atingiu o maior patamar em 40 anos, a 9,1%, e a expectativa é que continue subindo ao longo dos próximos meses. O Banco da Inglaterra estima o pico em dois dígitos, a 11%, em outubro.

Fonte: CNN

 


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui