Má fé é um dos maiores problemas

Pessoas mentirosas geram clima de desconfiança e travam o crescimento da nação.


0

Faz alguns anos que passei por uma situação inusitada. Em todos os nossos treinamentos, fizemos contrato contendo algumas cláusulas que minimizam os riscos da relação entre as partes. Um contrato nada mais é do que um documento que contempla obrigações e deveres de ambas as partes, com prazos, valores e punições. Uma cláusula desse contrato trata da nossa empresa reembolsar o valor investido conosco em casos de insatisfação com os resultados dos nossos programas. É importante ressaltarmos que essa cláusula prevê esforço de ambas as partes, e não de apenas de um lado.


ouça o comentário

 


Certa vez, uma empresa contratou nossos serviços para capacitar uma pessoa da sua equipe. As coisas andaram muito bem durante todo o tempo, com relatos muito consistentes de satisfação com os resultados apresentados em nossos encontros. Quando o programa chegou ao fim, a empresa contratante, de forma inesperada, solicitou reembolso do valor investido por não estar satisfeito com os resultado demonstrado pela pessoa que participou do programa. Até aí tudo bem, apesar de ser um caso isolado em mais de duas mil pessoas capacitadas apenas por mim em diversas cidades Brasil afora.

O mais intrigante veio alguns dias depois. Fui contratado para fazer uma palestra em uma cidade do Vale do Rio Pardo e as pessoas precisavam apenas se cadastrar para assistir a palestra gratuitamente. Cheguei no dia do evento e perguntei ao organizador sobre quem eram as pessoas que se interessaram pelo evento, para compreender o público que estaria presente. Foi quando soube que todos os colaboradores da mesma empresa que havia solicitado reembolso dias antes, que possuía filiais naquela região, estariam na plateia.

Achei muito estranho esse gesto, uma vez que o empresário havia solicitado reembolso total do valor. Foi nesse momento que constatei de fato aquilo que eu já desconfiava. O empresário havia usado de “má fé” para obter vantagens junto a nossa empresa.

O uso de má fé nas relações é um grande problema aqui no Brasil. Muitas pessoas mentem descaradamente para obter vantagens pessoais. Vemos pessoas usando a Justiça como ferramenta de vingança, e não para fazer justiça. Vemos pessoas tirando vantagens ardilosas de situações que foram maquiadas.

O desvio de caráter está presente em nossas vidas em mais situações do que podemos imaginar, e isso acaba freando o desenvolvimento das pessoas e das empresas. Quando conseguirmos corrigir esse ponto, acredito que daremos um grande passo na construção de um país melhor, porém essa é uma mudança que exige o melhor de todos nós em todos os momentos. Somente assim conseguiremos mudar essa realidade. Forte abraço e até a vitória sempre.

Gustavo Bozetti (@gustavobozetti), diretor da Fundação Napoleon Hill e MasterMind RS

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui