Maduro convoca assembleia constituinte para tentar resolver crise

Segundo emissora, presidente disse que o povo elegerá representantes para formular nova Constituição. 'Convoco o poder constituinte originário para alcançar a paz de que o país precisa, para derrotar o golpe fascista, uma constituinte cidadã, não de partidos políticos', afirmou.


0

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, convocou nesta segunda-feira (1º) uma assembleia constituinte para resolver a crise política no país. “Convoco o poder constituinte originário para alcançar a paz de que o país precisa, para derrotar o golpe fascista, uma constituinte cidadã, não de partidos políticos. Uma constituinte do povo”, disse Maduro, diante de milhares de simpatizantes reunidos no centro de Caracas por ocasião do Dia do Trabalhador.

“Hoje, 1º de maio, anuncio que no meu uso das minhas atribuições como chefe de Estado constitucional, nos termos do artigo 347, convoco o poder constituinte originário para que a classe trabalhadora e o povo convoquem a Assembléia Nacional Constituinte”, disse ele, de acordo com a rede Telesur.

O artigo citado por Maduro prevê que o povo “pode convocar uma Assembléia Nacional Constituinte, a fim de transformar o Estado, criar uma nova lei e elaborar uma nova Constituição”.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui