Maia fecha com Bolsonaro e defende manutenção do veto ao reajuste dos servidores


0
Foto: Reprodução / Divulgação

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quinta-feira ser importante a manutenção do veto, feito pelo presidente Jair Bolsonaro, que garantia o congelamento salarial de servidores públicos até o final de 2021 em função da pandemia.

O veto foi derrubado nesta quarta-feira no Senado e nesta quinta passa pela Câmara. O argumento de Maia é que a derrubada do veto, que trará impacto às contas do governo, Estados e municípios, podem inviabilizar outros projetos que estão em tramitação no Congresso e também dependem de recursos.

A Câmara deve analisar o veto em sessão do Congresso, que acontece neste momento em Brasília.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui