Mais de 1,8 milhão de gaúchos já entregaram IR 2022

A expectativa no Rio Grande do Sul é de que 2,4 milhões declarações sejam enviadas até o final do prazo


0
Foto: Agência Brasil

A oito dias do prazo final para a entrega do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2022, ano-calendário 2021, a Receita Federal informa que mais de 1,8 milhão gaúchos já entregaram a declaração do IR. A expectativa no Rio Grande do Sul é de que 2,4 milhões declarações sejam enviadas até o final do prazo, que se encerra no dia 31 de maio. No país, foram entregues pelo menos 25.094.079 declarações do IR até esta segunda-feira, representando aproximadamente 73% do total das 34.100.000 declarações esperadas. Quem estiver obrigado a entregar a declaração e não fizer até o fim do prazo estará sujeito à multa. O valor da multa é de 1% ao mês, sobre o valor do imposto de renda devido, limitado a 20% do valor do imposto de renda.

O valor mínimo da multa é de R$ 165,74. A Receita Federal destaca que a multa é gerada no momento da entrega da declaração e a notificação de lançamento fica junto com o recibo de entrega. O contribuinte terá 30 (trinta) dias para pagar a multa. Após este prazo, começam a correr juros de mora (taxa Selic).

O Darf da multa pode ser emitida pelo programa do imposto de renda ou pelo e-CAC, na opção Meu Imposto de Renda. Para as declarações com direito à restituição, se a multa não for paga dentro do vencimento, ela será deduzida (descontada), com os respectivos acréscimos legais (juros), do valor do imposto a ser restituído. A Receita Federal reforça que as restituições começam a ser pagas a partir do dia 31 desse mês.

Quem fizer a destinação do imposto para fundos das crianças e adolescente ou idosos deverá pagar o Darf integralmente até o dia 31/5. Esse Darf não tem parcelamento e nem débito automático.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui