Mais de 200 pessoas participam da Caminhada pela Vida em Estrela

A oitava edição do evento foi realizada na noite desta segunda-feira


0
Caminhada pela Vida 2021 (Foto: Nascimento)

Depois da Marcha para Jesus no sábado, da Caminhada pela Segurança do domingo pela manhã e a Noite das Lanternas – à noite, a segunda-feira (29) do Natal em Estrela não poderia ficar sem um passeio da comunidade pelas ruas decoradas da cidade. Mais de 200 pessoas participaram da 8ª Caminhada pela Vida, a quarta em benefício do Instituto do Câncer Infantil (ICI), que comemora 30 anos de atuação no Rio Grande do Sul. A promoção do Governo de Estrela, por meio da Secretaria Especial de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), e em parceria com a Liga Feminina de Combate ao Câncer de Estrela, levou a solidária comunidade a um passeio coletivo pelas ruas iluminadas do município e depois a uma integração no Parque Princesa do Vale.

Autoridades (Foto: Pablo Reis)

A participação foi gratuita e aberta, mas camisetas alusivas ao instituto foram comercializadas, e a renda obtida com a venda será repassada na sua integridade a ele. Ao todo, foram 163 camisetas comercializadas ao valor de R$ 30. O evento, integrante da programação de Natal do município, é realizado desde 2013 em Estrela, sempre com a parceria da Liga Feminina. Iniciou com caminhadas na pista no Parque Princesa do Vale. Em 2017 agregou-se à causa o ICI, que então realizava corridas com o mesmo propósito em Porto Alegre – “Corrida pela Vida”. Em algumas edições foi marcada por metas, como as ’12 horas de caminhada’; e em 2019 contou com trajetos pelo interior do município. Em 2020 não foi realizada em razão da pandemia.

Foto: Julio Saldanha

Trajeto

A concentração, aquecimento e a largada para o trajeto de aproximadamente 3,8 km ocorreram em frente ao Parque Princesa do Vale. Passou pela Rua Júlio de Castilhos, dobrou na Rua 20 de Maio e foi em direção à Geraldo Pereira, e desta no sentido ao Hospital Estrela. Mas antes, a composição desceu na Rua Coronel Müssnich, seguiu até a Rua Venâncio Aires, onde ingressou na Rua Fernando Abott. Os participantes então passaram pelo Calçadão, Praça Menna Barreto, Escadaria de Estrela (Rua Cel. Flores) para então retornar ao Parque Princesa do Vale pela Rua Arnaldo José Diehl. No local, foram realizadas mais atividades com o grupo, com destaque para a doação de mechas de cabelo para o ICI, que as utiliza para a confecção de perucas.

Simpatia natural

Para o coordenador de Esportes da Secel, Júlio Saldanha, mais uma vez o evento alcançou seu objetivo. “Trata-se de um evento carregado de emoção, sentimento, simbologia na questão da prevenção e luta contra o câncer, ainda mais em se tratando dos casos infantis. Tivemos um retorno por parte da comunidade muito bom. A gente sabe que ainda se está num processo de retomada dos eventos públicos, coletivos, o que ainda não recebeu o aval de todos, e por isso o quantitativo talvez ainda não seja o quanto poderia, mas ainda assim tivemos um grande número de pessoas envolvidas, se divertindo e colaborando.” Para a presidente da Liga, Anelise Hausmann, trata-se de uma causa que já tem a simpatia natural das pessoas. “Foi muito positivo mais uma vez.

Uma noite gostosa, pessoas felizes, e diferente de outros anos, que quando acabava a caminhada os participantes iam embora, neste eles permaneceram no Parque prestigiando as demais atividades. É uma daquelas causas sociais onde não é preciso oferecer uma camiseta para ajudar. Elas já nos procuram com essa intenção”, avalia. AI/RC

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui