Mais vale a crítica de um sábio do que o aplauso de um tolo

Focar no que você já sabe pode estar impedindo o seu crescimento


0
Gustavo Bozetti, diretor da Fundação Napoleon Hill e do MasterMind RS (Foto: Tiago Silva)

Desde quando comecei a trabalhar com o MasterMind, percebo que a falta de capacidade de receber críticas acaba travando e inibindo o desenvolvimento das pessoas. Todos nós temos mecanismos de defesa do nosso próprio ego. Porém, muitas vezes estes mecanismos fazem com que as pessoas não reconheçam em si algumas falhas, tendo, como consequência, a repetição, no futuro, dos mesmos erros do passado.


ouça o comentário

 


Recentemente, fizemos um trabalho para uma grande rede de franquias. Desenvolvendo um método específico de vendas, possibilitando que mais pessoas pudessem colher resultados extraordinários. Além de formatar a metodologia, fomos responsáveis por capacitar boa parte da equipe comercial. Num determinado momento, um dos vendedores comentou que tudo o que tínhamos apresentado ele já sabia. Porém, era notório que seus resultados estavam ruins. Foi quando eu disse que ele estava focando no ponto errado.

Precisaria prestar atenção naquilo que ele não sabe, afinal, o que ele já sabe e aplica não está gerando os resultados que a empresa espera. Esse feedback foi uma mudança drástica de foco que gerou um grande resultado. O jovem passou a focar no que ele ainda não sabia e não fazia, gerando a esperada evolução. Capacitação é algo que nunca devemos deixar de buscar. Deve ser constante. Quanto mais as pessoas se preparam, melhores serão seus resultados. É o conceito de fazer o “longo caminho curto”: quanto mais nos preparamos, melhor será a nossa produção e menor será o sofrimento. Porém, o que impede as pessoas de evoluir é que, normalmente, elas acham que já sabem o suficiente e, consequentemente, acabam se acomodando. Inclusive o filósofo Sócrates, quando questionado sobre sua sabedoria, respondeu que possivelmente era considerado um sábio porque “sabia que nada sabia”.

Ter consciência das nossas fraquezas faz com que consigamos corrigi-las. É importante lembrar que muitas coisas que alguns gênios conseguem fazer com certa naturalidade, eu e você também conseguimos fazer se tivermos a mesma técnica, metodologia e preparação. É por isso que o treino nunca acaba. Desejo que as oportunidades te encontrem sempre preparado(a) para que você possa desfrutar do melhor da vida. Forte abraço e até a vitória, sempre.

Gustavo Bozetti (@gustavobozetti), diretor da Fundação Napoleon Hill e MasterMind RS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui