Manutenção emergencial na Barragem de Bom Retiro deve durar ao menos mais quatro semanas

Inicialmente, trabalho seria realizado em somente um portão. Porém, equipes identificaram necessidade de se debruçar sobre o outro, na parte da jusante da eclusa


0
Barragem de Bom Retiro do Sul (Foto: Prefeitura de Bom Retiro / Reprodução)

Ao Redação no Ar desta sexta-feira (9), o engenheiro responsável pela Barragem Eclusa de Bom Retiro do Sul, André Soares, disse que o trabalho de manutenção emergencial na estrutura deve demorar ao menos mais quatro semanas para ser concluído. Os trabalhos de reparo fazem com que o nível do rio fique abaixo do normal, comprometendo a navegação até o Porto de Estrela e até formando ilhas e deixando à mostra cascalhos.


ouça a entrevista

 


 

Conforme explica Soares, a manutenção emergencial é realizada para corrigir problemas estruturais nos portões de jusante da eclusa, aqueles portões de baixo da barragem. Inicialmente, o trabalho seria realizado somente em um portão. Porém, ao analisarem o outro, os engenheiros perceberam a necessidade de também se dedicarem à essa segunda abertura.

A manutenção no primeiro portão deve ser concluído até a próxima segunda, estima o engenheiro responsável. Depois, no segundo, as equipes devem atuar por mais quatro semanas. Após os reparos nos portões, serão feitos vedações na rotula dos portões e reparos na estrutura, incluindo pintura para proteger da corrosão.

André Soares, engenheiro responsável pela barragem de Bom Retiro (Foto: Joel Alves)

“Qualquer equipamento e estrutura metálica tem que passar por inspeções e manutenções periódicas”, explica Soares. “Toda manutenção emergencial é indesejada, e o cronograma é um pouco imprevisto”, reconhece.

A barragem regula o nível do rio e garante navegação até Estrela. Segundo o responsável, não tem precisão de reduzir o nível abaixo do que está hoje.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui