Marcelo Caumo busca inclusão do trecho entre Lajeado e Estrela no cronograma de dragagem do Rio Taquari

Medida é importante para qualificar a navegação até o Porto de Estrela, explica o prefeito, que foi orientado a buscar contato com o Dnit


0

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, anunciou em 15 de abril a emissão de uma ordem de serviço para a realização da dragagem no Rio Taquari, desde a Barragem Eclusa de Bom Retiro do Sul até Taquari e General Câmara. A intenção é melhorar as condições de navegabilidade no curso do rio, que desemboca no Rio Jacuí e oferece acesso à Lagoa dos Patos e ao Porto de Rio Grande.

Agora, o prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, busca que o trabalho seja ampliado e contemple também Lajeado e Estrela, para qualificar a navegação até o Porto de Estrela. Caumo esteve em Brasília nesta semana. Na capital federal, o gestor municipal foi orientado a entrar em contato com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) em Porto Alegre para viabilizar o pleito. Segundo ele, será prioridade nos próximos dias.


ouça a entrevista

 


Anúncio da dragagem feita pelo ministro Tarcísio Gomes de Freitas no Twitter (Foto: Reprodução)

O prefeito explica que como o leito do rio é de cascalho, há a necessidade da dragagem para que as embarcações possam navegar sem risco. Caumo explica que, hoje, o trecho entre Lajeado e Estrela faz parte da estratégia logista do governo federal de dragagem.

O trabalho é previsto a partir da barragem de Bom Retiro, para baixo. “Para viabilizar o Porto de Estrela, o canal tem que ter a profundidade adequada”, lembra o chefe do Executivo de Lajeado.

Caumo lembra que o nível normal do Rio Taquari é de 13 metros. Porém, recentemente, chegou a ficar em 9 metros devido a obras nos portões da barragem em Bom Retiro. Atualmente, está em 11 metros. Como os trabalhos emergenciais de manutenção da eclusa estão em fase de finalização, a partir deste sábado (8) é esperada nova elevação e normalização do nível.

Texto: Tiago Silva
web@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui