Meio quilo de skunk é apreendido na BR-386, em Tabaí

À PRF preso disse que venderia entorpecente em Santa Cruz do Sul


0

Vídeo: PRF

Duas pessoas foram presas por tráfico de drogas por volta das 19h45 desta segunda-feira (24) na BR-386, em Tabaí.

Durante ação de enfrentamento ao crime, Policiais Rodoviários Federais (PRFs) abordaram um automóvel Renault Logan emplacado em Novo Hamburgo. O veículo era ocupado pela motorista, de 29 anos, e um passageiro, de 25, que disse ser cunhado da condutora. Ambos residem em Santa Cruz do Sul. O carro parou na RSC-287, alguns metros depois da primeira tentativa de abordagem.

Ao realizar buscas no veículo os policiais encontraram 490 gramas de skunk – em dois pacotes, embalados a vácuo – dentro de uma sacola plástica escondida embaixo do banco do passageiro. Também foram apreendidos R$ 736 em dinheiro. O caroneiro afirmou que comprou a droga na capital e que a venderia em Santa Cruz, no Vale do Rio Pardo. Já a mulher alegou não saber o que havia na sacola.

Skunk é uma droga mais potente que a maconha. Ambas são retiradas da espécie cannabis sativa, portanto, os efeitos do skunk são os mesmos da maconha, potencializados.

A dupla foi presa em flagrante e encaminhada com a droga e o automóvel à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Lajeado, sendo posteriormente conduzida ao sistema prisional. O homem tem antecedente por homicídio doloso. MS

 

Foto: PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui