Mercopar encerra em Caxias do Sul como edição histórica

Robôs foram usados para auxiliar no cumprimento das regras sanitárias.


0
Foto: RAFAEL CAVALLI/DIVULGAÇÃO/JC

Encerrada nesta quinta (19), em Caxias do Sul, a 29ª edição da Mercopar – Feira de Inovação Industrial foi definida por André Vanoni de Godoy, superintendente do Sebrae RS, como maravilhosa e que entrará para história como demonstração de coragem, resiliência e disciplina de todos os envolvidos. Para ele, mesmo em meio a um cenário de pandemia, o evento se superou e conseguiu ser melhor que a edição passada do ponto de vista qualitativo. “Em termos de tamanho foi menor em expositores e visitantes pela limitação imposta em função dos protocolos sanitários. Mas qualitativamente foi muito melhor”, destacou.

A feira teve 235 expositores e a expectativa era de 10 mil visitantes. O balanço com volume de negócios e número oficial de visitantes será divulgado nesta sexta. Godoy assinalou, no entanto, que feira cumpriu com seu papel de propiciar negócios, melhorar o faturamento e subsidiar o setor com ferramentas para preparar-se para o que virá em 2021.

O superintendente lembrou que os protocolos foram construídos com a participação de outras entidades e realização de feiras testes em Bento Gonçalves e Caxias do Sul, além de articulações com o governo para assegurar segurança a todos os envolvidos. Ele acredita ser possível manter nas próximas edições algumas destas medidas, como corredores mais amplos e sistemas de higienização.

Fonte: Jornal do Comércio

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui