Ministério da Saúde anuncia mais 219,5 mil doses da AstraZeneca para o Rio Grande do Sul

Confira as informações do programa Correspondente Independente do meio-dia


0
Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

O Ministério da Saúde informou nesta terça-feira que 219.500 doses da AstraZeneca/Oxford serão destinadas ao Rio Grande do Sul. A informação foi divulgada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), que não recebeu a confirmação de quando os imunizantes contra a Covid-19 chegarão ao Estado. Segundo dados atualizados da SES na manhã desta terça-feira, o Rio Grande do Sul vacinou 3.378.759 com a primeira dose e 1.575.886 com a segunda, totalizando 4.954.645 doses aplicadas. Até o momento, o Estado recebeu 6.765.020 doses. Fonte: Correio do Povo

“Eu sou ministro da Saúde, não censor do presidente”, diz Queiroga

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou à CPI da Covid, do Senado Federal, nesta terça-feira (8), que não cabe a ele julgar as ações e aglomerações promovidas pelo presidente da República, Jair Bolsonaro. Ao dizer que ele, particularmente, tem recomendado medidas não farmacológicas, como uso de máscaras e isolamento social a todos os brasileiros, “sem exceção”, foi questionado se Bolsonaro também era orientado por ele. Fonte: Correio do Povo

MPRS denuncia 11 envolvidos com fraudes em licitações públicas de nove prefeituras gaúchas

O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS) denunciou 11 pessoas por crimes como associação criminosa, lavagem de dinheiro, elevação arbitrária de valores e por fraudar o caráter competitivo de licitações públicas. A denúncia foi oferecida pelo promotor de Justiça Mauro Lucio da Cunha Rockenbach, diretor da Promotoria de Justiça Especializada Criminal de Porto Alegre. A denúncia é fruto da operação Aliança Criminosa, desencadeada contra fraude licitatória em 27 de maio deste ano. A ação, com apoio da Brigada Militar, havia sido desencadeada em Dona Francisca, Frederico Westphalen, Erval Seco, Caiçara, Pontão, Santa Cruz do Sul e Rio Pardo. Na ocasião, três pessoas foram detidas. Fonte: Correio do Povo

Como é o novo tratamento para Alzheimer, o 1º aprovado em 18 anos

Um novo tratamento para o mal de Alzheimer foi aprovado nos Estados Unidos. É a primeira vez que isso ocorre desde 2003. O aducanumabe tem como alvo a causa subjacente do Alzheimer, a forma mais comum de demência, ao invés de seus sintomas. Estima-se que 45 milhões de pessoas tenham algum tipo de demência no mundo (2 milhões delas no Brasil). Com o envelhecimento da população em vários países, esse número deve duplicar a cada 20 anos. G1

Tempestade provoca 27 mortes por raios no Leste da Índia

Uma tempestade de monções provocou a morte de 27 pessoas impactadas por raios no leste da Índia e feriu oito passageiros de um avião afetado por fortes turbulências nesta terça-feira (8). A região foi afetada por tempestades e algumas áreas foram destruídas. Um voo entre Mumbai e Calcutá, a capital de Bengala Ocidental, foi atingido por uma tempestade no momento do pouso. Oito passageiros ficaram feridos e quatro foram levados para o hospital. O primeiro-ministro indiano Narendra Modi anunciou uma indenização para as famílias das vítimas e as pessoas feridas. Correio do Povo

Bolsonaro admite erro sobre TCU e suspeita de governadores sobre ‘supernotificação’ de mortes por Covid

O presidente Jair Bolsonaro admitiu nesta terça-feira (8) que errou ao atribuir ao Tribunal de Contas da União (TCU) um dado que questionava o número de mortes por Covid-19 em 2020. O presidente disse que ele é o responsável por cálculos que indicariam uma “supernotificação” de óbitos. Sem apresentar provas, Bolsonaro, entretanto, insistiu que há indícios de exagero nas notificações de óbitos por Covid-19, na contramão de especialistas que apontam que há subnotificação. Bolsonaro também afirmou que estados aumentaram os dado “em busca de mais dinheiro”, o que, segundo ele, será investigado pela Controladoria-Geral da União (CGU). G1

Produção e apresentação: Caroline Silva.
Próxima edição: hoje, às 18h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui