Ministério da Saúde perdeu R$ 104 milhões em medicamentos e vacinas no 1º semestre de 2021


0
Foto: Divulgação

A Controladoria Geral da União (CGU) identificou que o Ministério da Saúde perdeu mais de R$ 104 milhões em medicamentos, vacinas, testes e outros insumos apenas no primeiro semestre de 2021. As informações fazem parte de um relatório da CGU. O documento foi concluído em maio deste ano e se tornou público nesta quinta-feira (30). Ainda, segundo o relatório, entre outubro de 2016 e junho de 2021, as perdas do Ministério da Saúde totalizaram mais de R$ 230 milhões. Fonte: G1

PEC aprovada pelo Senado prevê aumento no Auxílio Brasil e no vale-gás

O Senado Federal aprovou, nesta quinta-feira (30), a nova versão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Combustíveis, que prevê o reconhecimento do estado de emergência em 2022 no país e um pacote de R$ 41,25 bilhões em auxílios. Dentre os principais pontos do texto, está a criação do auxílio de R$ 1 mil a caminhoneiros. Além disso, o projeto amplia o Auxílio Brasil para, ao menos, R$ 600 mensais e o vale-gás para cerca de R$ 120 a cada dois meses. Essas medidas serão válidas até 31 de dezembro deste ano. Fonte: CNN

INSS gasta R$ 27 mi com benefícios a pessoas falecidas

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) gastou R$ 27 milhões em 2021 com benefícios pagos a pessoas já falecidas. Ao todo, foram R$ 80 milhões em pagamentos indevidos no ano passado. Segundo auditoria financeira do TCU (Tribunal de Contas da União), foram mais de 8,5 mil benefícios previdenciários pagos a pessoas que já haviam morrido. A auditoria apontou ainda que outros R$ 329 milhões foram pagos acima do teto da remuneração dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Fonte: R7

Exonerado, ex-presidente da Caixa manterá salário de R$ 56 mil por 6 meses

O ex-presidente da Caixa Pedro Guimarães deverá receber pelo menos R$ 56 mil da estatal por seis meses, mesmo após ter deixado o comando do banco nesta semana depois de ser acusado de assédio sexual. Isso ocorre por causa da Lei 12.813/2013. O artigo 6º da norma estipula o período de um semestre para o funcionário trabalhar na mesma área de atuação na iniciativa privada. Com a indenização, o ex-presidente da estatal, vai receber, ao longo do tempo em que ficará de “quarentena”, o total de R$ 336 mil. Fonte: Correio do Povo

BRDE anuncia R$ 74,5 milhões em crédito para novos investimentos em municípios gaúchos

Com destaque em investimentos em sistemas de iluminação pública e obras de pavimentação, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) divulgou a aprovação de novas de operações de crédito para cinco prefeituras do Rio Grande do Sul. Segundo a diretora de Operações do BRDE, Leany Lemos, os financiamentos totalizam R$ 74,5 milhões e contemplam projetos dos municípios de Parobé, Pelotas, Rio Grande, São Gabriel e Viamão. O anúncio aconteceu nesta quinta-feira (30), em evento virtual. As linhas de financiamento integram o programa “Município Forte é BRDE”. Fonte: Secom RS

Mais da metade dos motoristas gaúchos mortos entre 2018 e 2020 estavam em situação irregular

Motoristas e motociclistas alcoolizados, sem habilitação ou com a CNH suspensa, cassada ou bloqueada foram mais da metade dos condutores mortos no trânsito do RS no período de 2018 a 2020. Para o levantamento o DetranRS analisou 2.043 condutores que morreram em acidentes cruzando os dados. O estudo constatou que 1.066 (52%) tinham pelo menos uma das situações elencadas como irregulares contra 977 (48%) considerados em situação regular. O percentual de irregulares entre os condutores mortos em acidentes foi exatamente igual para motoristas e motociclistas. Fonte: O Sul

Geladeiras devem exibir nova etiqueta de eficiência energética

A partir desta sexta-feira (1º), todos os refrigeradores que chegarem ao comércio brasileiro, fabricados no País ou importados, devem exibir a nova Etiqueta de Conservação de Energia Elétrica (Ence) do Inmetro. A etiqueta traz três subclasses, indicando diferença de consumo de até 30% entre os produtos mais eficientes. Além disso, tem um QR Code que, no primeiro momento, vai remeter o consumidor ao status do registro do refrigerador. Fonte: O Sul

Produção e apresentação: Artur Dullius
Próxima edição: hoje, ao meio-dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui