Ministro da Agricultura pede demissão e Temer não aceita, diz jornal


0
Foto: Aloisio Mauricio /Fotoarena/Folhapress / CP Memória

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, teria entregado o cargo ao presidente Michel Temer depois que seu nome foi incluído na lista de investigados da Operação Lava Jato. Segundo informações do jornal O Estado de São Paulo, divulgadas nesta quinta-feira (20), Maggi se considera injustiçado pela acusação.

O ministro então procurou Temer para deixá-lo à vontade para demiti-lo se achasse necessário. O chefe de Estado recusou o pedido, afirmando que confiava na inocência e na capacidade de Maggi. Na delação, Maggi teria recebido R$ 12 milhões da Odebrecht na campanha para o governo do Mato Grosso, em 2006. O ministro nega as acusações feitas por executivos da empreiteira.

Fonte: Correio do Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui