Ministro da Infraestrutura fala em adotar medidas para ‘blindar’ caminhoneiros da alta do diesel

Confira as informações do programa Correspondente Independente das 8h.


0
Foto: Divulgação

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, afirmou que o governo estuda medidas para “blindar” os caminhoneiros de variações bruscas no preço do diesel. Freitas negou, durante transmissão promovida por uma corretora de investimentos, que o governo tenha intenção de interferir na Petrobras – sobretudo, na política de preços dos combustíveis. Nesta segunda (8), a Petrobras anunciou a quinta alta consecutiva do diesel combustível nas refinarias – e a sexta da gasolina. Fonte: G1

Órgão do TJ-DF decide apurar suposta omissão na escritura da mansão de Flávio Bolsonaro

A Corregedoria do Tribunal de Justiça do Distrito Federal decidiu instalar um procedimento administrativo para apurar suposta omissão de dados na escritura pública da mansão comprada pelo senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). A informação foi divulgada pelo jornal “O Estado de S. Paulo” e confirmada pela TV Globo. Segundo o jornal, a cópia da escritura, entregue pelo 4.º Ofício de Notas do Distrito Federal, recebeu tarjas pretas em 18 trechos, que contêm informações como documento de identidade, CPF, CNPJ e renda dos compradores. Fonte: G1

Caso Isa Penna: Conselho de Ética aprova pena branda para deputado que passou a mão em colega; caso vai ao plenário

A decisão do legislativo de São Paulo pela suspensão de um deputado estadual chegou na segunda-feira (8) à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Estado (Alesp), que vai definir quais serão os próximos passos do processo. Por 5 votos a 4, o Conselho de Ética da Casa aprovou a suspensão do mandato do deputado Fernando Cury (Cidadania) por 4 meses por quebra de decoro parlamentar no processo em que a deputada Isa Penna (PSOL) o acusa de importunação sexual. Em dezembro, uma câmera da Alesp registrou o parlamentar colocando a mão no seio da deputada. Confira o que já foi definido e o que ainda não foi sobre o andamento deste processo. Fonte: G1

Espanha manda sacrificar 895 vacas que passaram mais de 2 meses confinadas em um navio

A Espanha mandou sacrificar 895 vacas que passaram mais de dois meses confinadas em um navio cargueiro no Mar Mediterrâneo. Os animais foram enviados para a Turquia ainda em dezembro do ano passado, mas as autoridades do país recusaram o carregamento por suspeitar de uma infecção pelo vírus da doença da língua azul. A doença, que afeta apenas o gado, não apresenta risco de infecção para humanos e é transmitida por insetos. Durante mais de dois meses, diversos outros países se recusaram a receber a carga animal que ficou confinada na embarcação Karim Allah, de bandeira libanesa, com comida e água em escassez. Ativistas pelos direitos animais denunciaram as condições precárias do transporte. Fonte: G1

Leite celebra aprovação de Reforma da Previdência dos Militares e vê RS invertendo lógica federal

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, celebrou a aprovação da Reforma da Previdência dos Militares, que ocorreu nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa do RS. Na avaliação do chefe do Executivo, a proposta, aprovada por 31 votos a favor e 19 contrários, representa um passo importante na intenção de seu governo de reformar e ajustar as contas do Estado. Leite aproveitou também para criticar a reforma da Previdência Militar sugerida aos Estados pelo governo federal. Fonte: Correio do Povo

Assembleia aprova projeto que amplia serviços para carteiras de identidade no Estado

Projeto enviado pelo Poder Executivo e aprovado por unanimidade pela Assembleia nesta terça-feira (9/3) amplia os serviços para quem precisa da carteira de identidade, documento que é emitido pelo Instituto-Geral de Perícias (IGP) em todo o Estado. O projeto aprovado amplia a modalidade de Serviço Expresso, que possibilita a entrega em menor tempo da primeira via do RG e da carteira de Nome Social. O prazo varia para capital e interior e podem ter alterações por causa da pandemia de Covid-19. Atualmente, apenas a segunda via pode ser solicitada nesta modalidade. O serviço, criado a partir da demanda dos cidadãos, implica na adaptação da estrutura operacional existente, o que gera a necessidade de cobrança de taxa de R$ 96,34, que só será paga se o cidadão optar pela entrega em menor tempo. A modalidade, portanto, não altera as isenções que são atualmente concedidas conforme a lei. O texto aprovado pelos deputados também cria o Serviço Domiciliar, para confecção de carteiras de identidade de pessoas comprovadamente sem mobilidade física ou com condições clínicas que as impeçam de comparecer nos Postos de Identificação. Fonte: Governo do RS

Vale do Taquari registra novos recordes de óbitos e de novos casos de Covid-19 nesta terça

A Secretaria de Saúde do Estado (SES) do Rio Grande do Sul informou 16 óbitos e 814 novos casos de Covid-19 entre moradores de municípios do Vale do Taquari, nesta terça-feira (9). Os últimos recordes haviam sido registrado no sábado (6), quando 11 óbitos foram notificados, e na última quarta-feira (3), quando 551 novos casos foram notificados. As 16 mortes informadas pelo Estado foram de cinco moradores de Lajeado, dois moradores de Putinga, dois moradores de Taquari, dois homens de Encantado, além de moradores de Teutônia, Bom Retiro do Sul, Arvorezinha, Tabaí e Anta Gorda, sendo um homem de cada um destes municípios. Agora o Vale do Taquari soma 382 mortes em decorrência do novo coronavírus, sendo cinco delas ainda não reconhecidas pelo Estado. Os 814 novos casos informados nesta terça estão distribuídos entre 30 municípios do Vale, ou seja, somente seis cidades não registraram novas infecções. Lajeado foi o município que mais registrou casos, com 232, seguido de Taquari, com 125, e Teutônia, com 68. Conforme a Secretaria Estadual da Saúde, a região chegou a um total de 28.438 casos registrados de coronavírus. Destes, 24.871 são considerados recuperados (87,5%) e 3.190 são considerados ativos (11,2%). A taxa de letalidade é de 1,3%. MF

Produção e apresentação: Júlio César Lenhard.
Próxima edição: hoje, ao meio-dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui