Morador de Arroio do Meio, com tumor no coração, segue sem receber auxílio do INSS e passará por cirurgia

Cristian Luis Matos dos Santos (26) possui um tipo de câncer considerado raro. Em dezembro irá fazer um procedimento cirúrgico com raspagem no tumor.


0
Cristian, esposa Graziela e os filhos Davi e Milena (Foto: Gabriela Hautrive)

Em agosto deste ano, a reportagem da Rádio Independente contou a história de Cristian Luis Matos dos Santos (26), morador de Arroio do Meio e portador de um câncer raro no coração. Naquela oportunidade, ele pedia ajuda para sustentar a família, composta por sua esposa Graziela Santos e os dois filhos do casal, Davi de três anos e Milena de 1 ano e nove meses. Sem renda fixa mensal e morando de aluguel, eles passavam por dificuldades financeiras. Desde então, poucas coisas mudaram. A família recebeu doações e ajudas de diversas pessoas, inclusive para pagar o aluguel de onde moram, porém, Cristian Santos segue sem receber auxílio por parte do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).


OUÇA A REPORTAGEM 


Santos ainda é funcionário Girando Sol, porém, está afastado da empresa e não recebe nenhuma remuneração, dependendo apenas do valor oriundo do INSS, que é de R$ 1.045. Por enquanto o benefício está em análise, como explica sua esposa, Graziela. “É desumano o que o INSS está fazendo com uma pessoa que luta pela vida. Desde agosto não tem renda nenhuma porque precisava passar por uma perícia médica presencial. No dia 5 de novembro agora, então fez essa perícia e a médica esqueceu de passar o resultado”, conta.

Após esse procedimento, o casal manteve contato com o instituto e recebeu a informação de que em cinco dias estaria com o resultado, mas até está quinta-feira (26), o problema ainda não havia sido resolvido. A situação preocupa a família, pois em dezembro Cristian Santos terá que passar por uma cirurgia de risco. “Como uma pessoa vai ir para uma mesa de cirurgia, deixando dois filhos pequenos longe, sabendo que a família está desassistida que não temos renda nenhuma”, lamenta.

O processo cirúrgico está previsto para segunda quinzena de dezembro, no Hospital de Clínicas de Porto Alegre, após Santos passar por uma série de exames. Trata-se de um procedimento com previsão de duração de nove horas e acompanhamento de uma equipe médica de Toronto, no Canadá. Santos relata que aos poucos está entendo tudo o que vem acontecendo em sua vida. “No começou eu estava com bastante com medo por conta dos meus filhos pequenos e da esposa, por ficar longe deles, mas agora estou mais calmo, e é preciso ficar, se não a situação piora”, diz.

Relembre a história

O casal, Cristian Santos e Graziela, possuem dois filhos pequenos, Davi de três anos e Milena de um ano e nove meses. O pai das crianças é o 5º paciente no mundo com esse tipo de câncer. “Não é uma coisa boa, é uma coisa ruim, é nova, nunca passamos por isso, mas somos fortes e temos fé. Eu quero ver os meus filhos crescerem”, relata.

No mês de março deste ano, Santos começou com sintomas de falta de ar e dor no peito, então procurou o Posto de Saúde, em Arroio do Meio. Foi encaminhado ao hospital local e no dia 31 do mesmo mês transferido para o Hospital Bruno Born, em Lajeado, onde fez exames e internou na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Na casa de saúde fez uma cirurgia para retirar um líquido que estava nos pulmões e no coração. Durante o procedimento os médicos encontraram a mancha no coração, que passou por biópsia e então revelou o tumor raro.

Com sonho de ter a casa própria, Santos e a esposa trabalhavam em dois empregos cada um. Além de ser auxiliar de empacotamento na empresa Girando Sol, ele também fazia serviços de jardinagem. Já Graziela, era auxiliar de cozinha em um restaurante e produzia marmitas em casa para garantir renda extra à família. Atualmente ele faz quimioterapias, perdeu todo o cabelo e pelos do rosto, como cílios e sobrancelhas. Mesmo com tratamento, precisará de uma cirurgia, mas inicialmente médicos previam um transplante de coração, algo que por enquanto está descartado.

Graziela, que revezava com o marido os turnos em casa para poder cuidar dos filhos, conta que precisou deixar os empregos para dar atenção aos pequenos, já que não frequentam creches e Santos também necessita de ajuda por se sentir fraco em decorrência do tratamento. Com perícia do INSS em análise e auxílio emergencial negado, o casal não tem nenhuma renda fixa para se manter mensalmente. Eles foram contemplados com inúmeras doações de alimentos destinados pela comunidade.

Cristian Santos e o filho mais velho, Davi de três anos (Foto: Gabriela Hautrive)

Como ajudar

Quem deseja ajudar Cristian Santos e sua família, pode doar valores através da Vakinha online, com o nome Coração e os filhos, ID 1250217. Também há opção por depósito em conta bancária. Os valores devem ser enviados para conta 00035264/4, agência 1708, operação 013, na Caixa Econômica Federal, no nome de Graziela Herthert, com CPF 966.557.200/87. O telefone para contato é: (51) 9-8030-5163.

Outros tipos de ajuda e também mais detalhes sobre o tratamento, podem ser conferidos em na página do Facebook, Cristian Santos #otempo/vida. Há também um brechó sendo realizado em Arroio do Meio  em pról da causa. Os valores das peças variam entre R$ 1 e R$ 30. A comercialização dos itens acontece no porão do Salão Paroquial, na Rua São João, Centro de Arroio do Meio. O horário de atendimento é das 8h ás 18h, sem fechar a meio-dia.

Texto: Gabriela Hautrive
producao@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui