A jovem Caroline Scariot, 20 anos, moradora de Lajeado, foi escolhida segunda prenda do Rio Grande do Sul na 47ª Ciranda Cultural de Prendas, realizada em Bagé entre os dias 25 e 27 de maio. Ela vai representar o estado em eventos realizados até maio de 2018. Por conta do título, Lajeado vai sediar, em março do próximo ano, o Seminário Estadual de Prendas. Esse é o nono título que ela conquista.


Ouça a reportagem


Caroline enfrentou 22 concorrentes em três etapas: prova escrita, amostra folclórica e apresentação artística. “Precisei responder questões sobre estado. Foi avaliada a comunicação oral e talentos que representassem a cultura gaúcha”, conta a jovem. No total, foram escolhidas nove prendas, que vão compor as categorias mirim, até 14 anos, juvenil, que vai até 17, e adulta, a partir de 18 anos.

Para chegar à disputa estadual, Caroline enfrentou diversas seleções. “O processo começou com um concurso no CTG Tropilha Farrapa, de Lajeado, que escolheu a primeira prenda da entidade. Em junho do ano passado, a disputa foi em Venâncio Aires, com a participação de 34 municípios dos vales do Taquari e Rio Pardo. Na oportunidade, foi escolhida a primeira prenda adulta da região, título que garantiu a presença na fase estadual”, explica.

Caroline foi recebida em Lajeado com carreata. Amigos e familiares celebraram a conquista. Foto: Arquivo Pessoal

Com o objetivo de ficar entre as três escolhidas, Caroline intensificou a rotina de estudos. Segundo ela, “O Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) publica anualmente uma biografia, onde constam os conteúdos que devem ser estudados. Os livros falavam da geografia, do clima, da história e do folclore gaúcho”, relata.

Pelo menos 30 pessoas do Vale do Taquari acompanharam o evento em Bagé. A família de Caroline estava presente, visto que uma irmã da prenda também concorreu, mas na categoria mirim. Natural de Santa Catarina, a família começou a se envolver com o tradicionalismo quando passou a morar em Lajeado, há cerca de dez anos. Desde então, a jovem frequenta o CTG, que fica no Bairro São Cristóvão.

Além de Caroline, a corte é composta pela primeira prenda Renata da Silva, de Campo Bom, e Nathália Rodrigues, de Guaíba. Essa foi a primeira vez em que a 24ª Região Tradicionalista, que representa o Vale, conquistou a categoria adulta. NR

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui