Moradores reclamam da água suja saindo das torneiras em bairro de Lajeado

Gerente da Corsan em Lajeado, Alexsander Pacico, falou sobre as situações dos bairros Bairro Jardim do Cedro e Santo Antônio.


0
Conforme os moradores, água estava durante toda manhã desta segunda-feira (21) (Foto: Arquivo Pessoal / Reprodução)

A água marrom que estava saindo das torneiras no Bairro Jardim do Cedro, em Lajeado, deixou os moradores preocupados. O problema se intensificou na manhã deste sábado (20). A comunidade cobra explicações da Corsan, que é responsável pelo abastecimento da cidade.


OUÇA A REPORTAGEM 


À reportagem, os moradores do Bairro Santo Antônio revelaram um problema antigo, as oscilações na pressão e o desabastecimento frequente. “Quando chega o verão fica complicado”, afirma Regina, moradora da Rua Arnoldo Uhry.

Outro morador conta que devido a falta de pressão de água não é possível fazer uso do chuveiro elétrico. ”Quem trabalha precisa, no mínimo, de um banho”, reclama.

Em busca de uma solução, os moradores das localidades estão se mobilizando para realizar uma manifestação na tarde desta terça-feira (22), a partir das 17h.

O gerente da Corsan em Lajeado, Alexsander Pacico, falou sobre a situação. “Tivemos uma série de eventos, na última semana, que prejudicou o abastecimento no Bairro Santo Antônio”, conta.

Pacico explicou que, durante o final de semana, a Estação de Tratamento de Água (ETA), foi atingida por um raio, interrompendo o tratamento para recuperar os equipamentos.


OUÇA A PARTICIPAÇÃO DO GERENTE 


Na manhã desta segunda-feira (21), uma máquina de obras danificou a rede de abastecimento. “Dois eventos na sequência prejudicam a recuperação do sistema”, conclui.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui