Moradores reclamam de prostituição no Centro de Lajeado

Segundo a população, o consumo de álcool e barulho na Praça Marechal Floriano, conhecida como Praça da Matriz, tem aumentado nos últimos meses.


3
Foto: Joel Alves

Moradores e comerciantes da área central de Lajeado reclamam da prostituição, consumo de álcool e barulho na Praça Marechal Floriano, conhecida como Praça da Matriz. O excessivo são as principais queixas.


OUÇA A REPORTAGEM


A reportagem conversou com o 1º tenente do 22º Batalhão de Polícia Militar de Lajeado, Fábio Railander Dias Silveira, falou sobre a situação.


OUÇA A ENTREVISTA COM o tenente


3 Comentários

  1. Engraçado que quando é na praça da matriz ou em qualquer lugar vira reportagem, mas quando a gente liga pra brigada de segunda a segunda pq não consegue dormir por causa da baderna dos travestis aqui na João Abbot na frente de residências que tem crianças e idosos ninguém faz nada! Se nós saíamos nus como eles andam todos os dias e gritassemos seríamos presos por atentado violento ao pudor e arruaça….mas como são os travestis e prostitutas pode! Uma vergonha né Sr. Prefeito, não faz nada pois não é na sua porta a bagunça! Vergonha deste nosso Lajeado!

  2. Impressionante como a população de lajeado prefere fazer higienismo social em sua própria cidade ao invés de votar certo. Marcelo Caumo destruiu a cidade no primeiro mandado e vai terraplana-la no segundo.

    P.s.:o site de vcs parece um site porno de tanto pop up e anúncio. Estética horrível.

  3. Lajeado sendo Lajeado!

    Cidade transfóbica. São “as travestis” no feminino, pois, refere-se a elas.

    E, pra completar, tão vendendo o corpo delas, a vida é delas e ninguém tem nada com isso. Crianças e idosos correm mais risco com um presidente GENOCIDA do que com profissionais do sexo lutando pelo seu pão de cada dia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui