Morre menino com câncer atendido ao lado do lixo no Hospital Infantil de Vitória

Foto de Alan, de 9 anos, foi divulgada durante denúncia de mães sobre a superlotação do hospital.


0
Foto: Reprodução

O menino Alan Gonçalves Trabach, de 9 anos, que foi fotografado recebendo medicação sentado em uma cadeira de plástico e ao lado de uma lixeira, no Hospital Infantil de Vitória, morreu neste sábado (27). Ele se tratava de um câncer e teve falência múltipla dos órgãos.
Alan apareceu em reportagem da TV Gazeta, sobre a superlotação no setor de oncologia do Hospital Infantil de Vitória. Uma das imagens enviadas pelas mães, que denunciaram o caso, mostrava Alan.

Ele foi diagnosticado com câncer nos rins e iniciou o tratamento em 2013. Depois, a doença acabou atingindo outros órgãos.

Superlotação

As crianças que precisavam de internação estavam sendo acomodadas em outras áreas do hospital, como a sala de isolamento, destinada a pacientes com alguma doença contagiosa e a ortopedia.

De acordo com as mães, além da falta de leitos, as crianças em tratamento ainda enfrentavam atrasos de até 30 dias para o início da quimioterapia e, recentemente, não havia mais médico oncologista de plantão nos finais de semana após as 13h de sábado.

‘Calamidade’

Na época da denúncia, Teresa Cristina Fonseca, presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica (SOBOPE) visitou os leitos do Hospital Infantil de Vitória. Ela disse que a situação da unidade é grave.
Hospital será transferido

Após as denúncias, o Governo do Espírito Santo anunciou que a mudança do Pronto-Socorro do Hospital Infantil para o Hospital da Polícia Militar está prevista para acontecer em 15 de julho de 2017. A transferência em 2017 faz parte do Planejamento Estratégico do governo do Espírito Santo, divulgado nesta segunda-feira (15).

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui