Morte de João Alberto em supermercado do RS completa oito meses e reconstituição é marcada para agosto

Seis pessoas respondem pelo crime, que ainda não tem data de julgamento marcada. Viúva de João, Milena Borges Alves, afirma que 'a vida não é mais a mesma'


0
João e Milena pretendiam oficializar o casamento no cartório (Foto: Arquivo Pessoal)

A morte de João Alberto Silveira Freitas, cidadão negro espancado por seguranças brancos no estacionamento do Carrefour em Porto Alegre, completa nesta segunda-feira (19) oito meses.

A reconstituição do caso, determinada pela Justiça a pedido de um dos réus, teve a data confirmada e será entre os dias 10 e 12 de agosto. No dia 18 do mesmo mês, a primeira audiência do caso deve acontecer.

Segundo a delegada Roberta Bertoldo, a reprodução simulada dos fatos será realizada na loja e no estacionamento do hipermercado. Todos os réus serão convocados, mas a participação não é obrigatória.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui