MP realiza audiência buscando discutir a evasão escolar

Trabalho, drogas e desinteresse são as principais motivações para que adolescentes deixem de estudar.


0
Audiências como esta são realizadas há alguns anos pela Promotoria de Educação. (Foto: Nícolas Horn)

A Promotoria de Educação do Ministério Público (MP) realizou na manhã desta quarta-feira (7) uma audiência na Emef São João Bosco para discutir a evasão escolar. Além do educandário sede, participaram as Emefs Dom Pedro I e Oscar Karnal, além da escola estadual Santo Antônio. Na ocasião, cada trouxe situações de evasão escolar para ser discutida em conjunto com uma rede integrada de órgãos em conjunto com as famílias.

Conforme o promotor de justiça Sérgio Diefenbach, são diversos motivos que elevam os índices para que adolescentes deixem de estudar, mas é preciso trabalhar para que os alunos passem a maior parte do tempo na escola, pois isso impacta em outros benefícios para a sociedade.

“As motivações são variadas e tem alguns contornos que se modificam de acordo com o bairro e região. Temos perdidos muitos adolescentes para o mercado de trabalho, outros infelizmente pelas drogas, ou simplesmente o desinteresse pela educação. Cada caso deve ser analisado isoladamente e o Ministério Público já trata destas questões há um bom tempo, pois entendemos que essa é uma ação estratégica, inclusive para segurança pública”, relata.


ouça a reportagem

 


O evento contou com a presença de diretores, professores e representantes da rede de atendimento do Centro de Referência e Assistência Social (CRAS), Centro de Atenção Psicossocial  (Caps) e Conselho Tutelar. NH

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui