Mulher acusada de causar acidente na BR-386 é indiciada por tentativa de triplo homicídio

A condutora do veículo está presa no presidio feminino estadual de Lajeado desde o dia 16 de junho


0
Foto: Artur Dullius

Em coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (8), os delegados Marcio Moreno e Shana Luft Hartz também informaram que a mulher acusada de ter causado um acidente de trânsito em 17 de maio na BR-386 com a própria filha de 2 anos, e envolvendo uma Hyundai Tucson de Ijuí e uma carreta de Anta Gorda, foi indiciada por tentativa de triplo homicídio. A PC concluiu que a mulher queria matar a filha, o que se enquadra em dolo direto, e não tinha intenção direta de causar a morte das outras duas pessoas, ou seja, dolo eventual.

Além disso, de acordo com a Polícia Civil, ela teria provocado a colisão como forma de se vingar do ex-marido. Após 35 dias, a investigação foi concluída 21 de junho. A acusada está presa no presidio feminino estadual de Lajeado desde o dia 16 de junho.

Texto: Caroline Silva
jornalismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui