Mulher que pulou de prédio para fugir de estupro volta a andar

Juliane Lacerda conseguiu dar os primeiros passos sozinha


0
Juliane Lacerda volta a andar com a ajuda de um andador em Goiânia (Foto: Reprodução/Instagram)

Prestes a completar três meses do dia que mudou sua vida tragicamente, a microempresária Juliane Lacerda, de 36 anos, surpreendeu a si mesma e conseguiu dar os primeiros passos sozinha, depois de viver a incerteza sobre se voltaria ou não a andar. Ela pulou de um prédio no dia 29 de janeiro, em Goiânia (GO), para fugir de um estupro.

“Eu fiquei sem acreditar”, diz ela, quando se deu conta pela primeira vez, no dia 15 de abril, de que estava conseguindo retomar o movimento das pernas e deu os primeiros passos sozinha, durante uma sessão de fisioterapia no Centro Estadual de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (Crer).

No mesmo dia, quando retornava para casa, ela conta que passou em uma loja e comprou um andador. Desde então, Juliane treina em casa e nas sessões que segue fazendo para retomar o equilíbrio e a força das pernas. O foco agora é esse, segundo ela.

Lesão gravíssima

Juliane sofreu uma grave lesão medular no momento em que caiu no chão, ao pular do primeiro andar do prédio onde fica o salão de beleza que ela possui, no Setor Parque Oeste Industrial, em Goiânia.

Fonte: Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui