Nelson Piquet terá 15 dias para explicar falas homofóbicas contra Hamilton à Justiça

Ação foi movida por entidades ligadas ao movimento negro e LGBTQIAP+ pedem a condenação do ex-piloto e um pagamento de R$ 10 milhões por danos morais coletivos


0
Foto: Divulgação

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal concedeu ao ex-piloto de Fórmula 1, Nelson Piquet um prazo de 15 dias para que o mesmo se manifeste e explique as manifestações consideradas racistas e homofóbicas realizadas contraLewis Hamilton.

O despacho do juiz Felipe Costa da Fonseca Gomes atende a uma ação civil pública impetrada por entidades ligadas a movimentos negros e LGBT que, juntas, pedem a condenação do ex-esportista e uma condenação com pagamento de R$ 10 milhões por danos morais coletivos, quando um ato é cometido contra uma categoria de indivíduos.

O pedido foi assinado pela Educação e Cidadania de Afro-descendentes e Carentes, também pelo Centro Santo Dias de Direitos Humanos, a Aliança LGBT e a Associação Brasileira de Famílias Homo-trans-afetivas. Se condenado, o valor da indenização será destinada ao Fundo Nacional de Direitos Difusos.

Fonte: JovemPan

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui