No Dia do Coração, confira dicas para cuidar de um dos órgãos mais importantes do corpo

Doenças cardiovasculares representam a principal causa de mortes no Brasil; são mais de 1100 por dia.


0
Cardiologista Luis Lermen (Foto: Reprodução / Facebook)

No dia do coração, o cardiologista Luis Lermen apresenta dicas para cuidar de um dos órgãos mais importantes do corpo. As doenças cardiovasculares, afecções do coração e da circulação, representam a principal causa de mortes no Brasil. São mais de 1100 mortes por dia, cerca de 46 por hora, uma morte a cada 1,5 minutos.

Lermen elenca três itens que são os pilares determinantes no tempo de vida do coração. O primeiro, é o fator genético. O segundo item, é o “ambiente que eu vivo, minha condição de vida, condição financeira[..]”. E o terceiro são os hábitos. Este último é o que realmente podemos mudar. Com prevenção e o tratamento adequado dos fatores de risco e das doenças cardiovasculares é possível reverter situações graves.


ouça a entrevista

 


 

Confira as dicas

  • Lermen orienta as pessoas a se movimentarem. Incluir atividades aeróbicas na rotina é uma das formas mais eficientes de cuidar do coração.
  • Não fume. O tabagismo está relacionado ao aumento da incidência de doenças cardiovasculares, como o infarto.
  • Cuide da sua pressão arterial. A hipertensão, se não for tratada, pode trazer problemas sérios, como acidente vascular cerebral e insuficiência cardíaca.
  • Vigie o seu índice glicêmico.
  • Conheça os seus números e seu histórico familiar.
  • Mantenha o estresse sob controle. “Procure o bem estar emocional. Seja mais tolerante. Menos brabo e raivoso.”
  • Na hora de comer, pense no seu coração.  “É fundamental termos o consumo menor de gorduras e sal.”

Texto: Rodrigo Gallas
web@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui