Nos 180 anos da Polícia Civil, Leite e Ranolfo participam de lançamento de livro que retrata a história da instituição

Solenidade foi realizada dentro da programação do 10º Seminário anual da instituição, no Tri Hotel, em Canela


0
Foto: Itamar Aguiar / Palácio Piratini

Na data em que se comemoram os 180 anos de serviço e proteção prestados pela Polícia Civil à sociedade gaúcha, o governador Eduardo Leite e o vice-governador e secretário da Segurança Pública, delegado Ranolfo Vieira Júnior, lançaram em evento na Serra o livro que retrata toda a história de evolução, qualificação e aprimoramento da polícia judiciária do Estado. A solenidade foi realizada dentro da programação do 10º Seminário anual da instituição, no Tri Hotel, em Canela.

Produzido sob coordenação da Chefia de Gabinete da Chefia de Polícia e da Divisão de Comunicação Social da Polícia Civil, a obra de 152 páginas traz uma série de fotografias históricas e remonta todas as fases da instituição, desde a criação pela Lei nº 261, de 3 de dezembro de 1841, assinada pelo imperador Dom Pedro II, até a sua estrutura mais atual, com unidades especializadas, técnicas modernas de investigação e forte emprego de tecnologia.

“As instituições são feitas pelas pessoas no tempo. Tantas e tantas pessoas, milhares e milhares, passaram ao longo desses 180 anos pela Polícia Civil do Rio Grande do Sul, e na sua atuação, na sua dedicação ao trabalho, constituíram o que é a instituição Polícia Civil. É momento sim de olhar para trás, render as homenagens, o livro aqui lançado é um registro histórico importante. Que bom que é olhar para trás, com orgulho de um passado construído a tantas mãos. Mas melhor ainda é olhar para frente e projetar um futuro com confiança de que andamos na direção correta. Os indicadores de criminalidade apontam isso, e os avanços que a Polícia Civil tem promovido também nos dão esses motivos”, afirmou Leite. O governador ressaltou ainda as melhorias realizadas em processos, na tecnologia e na formação do corpo de servidores, destacando os recentes investimentos anunciados pelo Avançar na Segurança.

O programa irá destinar R$ 280,3 milhões para investimentos nos órgãos vinculados à Secretaria da Segurança Pública (SSP) – o maior montante destinado de uma só vez, exclusivamente com recursos do Tesouro do Estado, para a área em toda a história do Rio Grande do Sul. Para a Polícia Civil, serão R$ 85,8 milhões a serem aplicados na aquisição de tecnologias e equipamentos (R$ 36,7 milhões), veículos (R$ 35,1 milhões) e obras (R$ 14 milhões).

Fonte: Correio do Povo

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui