Novo presidente da Amvat quer unificar o Vale do Taquari e trabalhar próximo dos prefeitos 

À frente da entidade, neste primeiro momento, Sandro Ranieri Herrmann busca alternativas para auxiliar os municípios afetados pela estiagem e acompanhar as demandas já iniciadas pela entidade


0
Presidente da Amvat, Sandro Ranieri Herrmann (PP) (Foto: Jonas de Siqueira)

O prefeito de Colinas, Sandro Ranieri Herrmann (PP), iniciou sua gestão à frente da Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat) em 1º de janeiro. Eleito para presidir a entidade, o novo presidente tomou posse no dia 28 de dezembro, o progressista quer unificar o Vale do Taquari, trabalhar em parceria com todos os municípios e aproximar governo do Estado com regiões do interior. ”Vamos atuar próximo dos prefeitos e ouvir as suas demandas individuais”, afirma Herrmann.

O presidente frisa que a nova gestão é uma representação de todo o Vale. “Formamos uma diretoria pluripartidária com representantes de todos os partidos e de diversas cidades”, diz. Sandro Ranieri Herrmann concorreu em chapa única e assumiu o cargo no lugar do então presidente, Paulo Kohlrausch (MDB), através de um acordo que foi feito entre os partidos.

À frente da entidade, neste primeiro momento, o novo presidente busca alternativas para auxiliar os municípios afetados pela estiagem. Para 2022, a nova administração projeta dar continuidade nas demandas já iniciadas pela entidade, como a concessão das rodovias e programas para desenvolvimento do turismo regional. “Turismo e mobilidade são demandas que andam juntas”, salienta Herrmann .

Diretoria da Amvat

Além do presidente, também fazem parte da diretoria para gestão de 2022, o 1° vice-presidente e prefeito de Estrela, Elmar André Schneider (PTB); 2° vice-presidente, Álvaro José Giacobbo (MDB), de Doutor Ricardo; 1° secretário, Edmilson Busatto (MDB), de Bom Retiro do Sul; 2° secretário, Jarbas Daniel da Rosa (PDT), de Venâncio Aires; 1° tesoureiro, Danilo José Bruxel (PP), de Arroio do Meio; e o 2° tesoureiro, Tiago Manoel Ferreira Michelon (PL), de Vespasiano Corrêa.

No conselho fiscal fazem parte os titulares: Celso Aloísio Forneck (PDT) – Teutônia; Fábio Alex Mertz (PP) – Marques de Souza e Jonas Calvi (PTB) – Encantado. Como suplentes estão Francisco David Frighetto (PSL), de Anta Gorda; Jari Hunhoff (PSDB), de Capitão; e Paulo Gilberto Schmitt (PP), de Progresso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui