Número de idosos procurando serviços de saúde tem aumentado, diz prefeito de Lajeado

Marcelo Caumo pontua importância da conscientização dos idosos, e pede que população em geral evite aglomerações para conter a curva de contágio no município.


1
Prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo, concede entrevista na antessala do estúdio. Medida faz parte das orientações do Grupo Independente para evitar a disseminação do coronavírus (Foto Rodirgo Gallas)

Os idosos estão procurando mais os serviços de saúde de Lajeado, segundo informações do prefeito de Lajeado, Marcelo Caumo. Ele não soube precisar com números, mas disse ser necessário que a população idosa reconheça a importância de ficar em casa. “O idoso precisa evitar a saída na rua. [..] A pessoa com mais de 60 anos que vai pro hospital necessita de cuidados maiores em comparação com outros pacientes, e ele fica um período maior recebendo atendimento hospitalar.”


ouça a entrevista

 


As informações científicas disponíveis até o momento asseguram que a doença provocada pelo recém-surgido coronavírus é especialmente violenta contra os mais velhos: os sintomas tendem a ser mais severos, e o risco de morrer chega a ser 74 vezes maior do que o da faixa etária de 10 a 19 anos, por exemplo – embora o fato de ser jovem não garanta imunidade contra a covid-19 nem proteja por completo de eventuais complicações.

Caumo também pede que toda a comunidade em geral evite aglomerações para conter a curva de contágio no município.

Na última quinta-feira o governo do Estado anunciou novas restrições. Como Lajeado já havia decretado o fechamento da indústria, do comércio e serviços da quinta (30) à noite até às 6h de segunda-feira (4) nada muda nestes dias. Desta maneira, o decreto Estadual passa a valer a partir da próxima semana.

Neste sábado (2), o prefeito se reunirá com lideranças de Lajeado para estabelecer as regras que vão vigorar a partir da segunda-feira (4).


Saiba mais

“Comércio é vitima dessa situação toda”, reconhece prefeito de Lajeado, após nova determinação de fechamento


 

Na maior parte da entrevista, o prefeito respondeu perguntas de ouvintes. Ouça as dúvidas da população lajeadense no player de áudio acima.

Texto: Rodrigo Gallas
web@independente.com.br

1 comentário

  1. Sabia que ia dar nisso.😥
    Os idosos andam saracotiando na rua como se não fosse com eles.
    Tenho meu Pai com 89 anos e minha Mãe com 83 anos isolados. Privados do direito de ver e abraçar quem eles mais amam, aliás, quem está privado somos nós os descendentes.
    É uma questão de amor ao próximo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui