Obras na ERS-130, em Lajeado, avançam dentro do cronograma previsto, afirma secretário

Retirada das famílias que ainda estão no local dependem da construção de novas casas no Bairro Montanha


1

O cronograma das obras de remodelação do trevo da BRF, em Lajeado, segue dentro do prazo inicial estipulado. A informação foi confirmada na manhã desta quarta-feira (27) pelo secretário de obras do município, Fabiano Bergmann, o Medonho. Desde o início das intervenções, no final do mês de janeiro, as equipes trabalham nas vias laterais às margens da ERS-130. De acordo com o secretário, os serviços avançam em um processo além do que era previsto inicialmente.


OUÇA A REPORTAGEM

 


“Isso devido também ao tempo que colaborou bastante com nós. O período de estiagem que tivemos colaborou para a escavação da terra vermelha. O pessoa que passa ali deve perceber que existiam barrancos bem grandes localizados ao lado da rodovia”, explica.

A remodelação do trevo da BRF está orçada em R$ 11,8 milhões. As obras ocorrem como uma alternativa para desafogar o intenso tráfego de veículos, especialmente nos horários de pico. No local, serão construídas vias marginais no trecho compreendido entre o km 69,19 e o km 70,90, além de uma trincheira, conforme projeto desenvolvido pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR). A previsão é de concluir o projeto dentro de onze meses, ou seja, até o final de 2022.

Secretário de Obras de Lajeado, Fabiano Bergmann (Foto: Gabriela Hautrive)

Conforme Medonho, algumas famílias que permanecem residindo no local devem ser retiradas no próximo mês. Já a borracharia instalada às margens da via será realocada cerca de cinco metros. “A gente vai confeccionar uma casa para o proprietário deste estabelecimento no Bairro Montanha. Já para os quatro filhos dele, iremos fornecer o material para que possam construir suas residências”, afirma.

Com o avanço das obras, não é descartada a possibilidade de ser realizada a detonação de rochas em alguns pontos do trecho. Após a finalização do trabalho nas ruas marginais, também está previsto a interrupção do trânsito na rodovia. A alteração deve acontecer dentro de aproximadamente três meses, no início do mês de agosto.

“As vias laterais serão finalizadas primeiro e, após isso, vamos bloquear completamente o fluxo de veículos na rodovia. O pessoal que circula entre Venâncio Aires e Arroio do Meio terá que utilizar as ruas laterais. A partir disso será escavado o trevo e iniciado o trabalho nas obras do viaduto”, adianta.

Permuta viabilizou a obra

Para autorizar a prefeitura de Lajeado a executar a melhoria na rodovia sob domínio estadual, o governo gaúcho cedeu ao município o prédio do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), localizado na Avenida Benjamin Constant, no Centro.

Por sua vez, Lajeado cederá dois imóveis municipais, onde será construída a nova sede da entidade. Uma dívida de R$ 4,2 milhões que o estado tinha com o município para a área da saúde também foi quitada.

Texto: Artur Dullius
reporter@independente.com.br

 


1 comentário

  1. Vergonha trabalhamos para pagar imposto pra invasores se darem bem ganharem casa e terreno em bairro nobre da cidade ,quantos não tem uma casa moram em porões de aluguel ou casas improvisadas mas nem por isso foram invadir o que não era seu,vão dando corda e distribuindo casas e terrenos ,daqui a pouco outras áreas da 130 ou locais de Lajeado terão invasões para se darem bem ,se percebe que muitas desses invasores é pura sem vergonhice.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui