Oficial da reserva da BM faz pesquisa sobre família Henkes em Mato Leitão

A pesquisa se concentrou sobre o pioneiro Peter Henkes, primeiro morador da região de Arroio Bonito.


0
Foto: Divulgação

Publicar um livro sobre a saga da família Henkes na região e Estado. Esse é o objetivo da pesquisa realizada pelo Oficial da Reserva da BM, Lauro Luiz Henkes, residente em Guaíba. Na semana passada ele esteve em Mato Leitão buscando informações com moradores locais. Lauro, natural de Santa Cruz do Sul, revela que as pesquisas sobre os ancestrais começaram há cerca de 15 anos.

A pesquisa em Mato Leitão se concentrou sobre o pioneiro Peter Henkes, primeiro morador da região de Arroio Bonito. Por conta disso, a localidade ficou inclusive conhecida por Picada Henkes. “A meta é de montar um livro com a árvore genealógica da família Henkes. Busco o maior número possível de informações”, disse Henkes.

Na Cidade das Orquídeas, além de visitar cemitérios e conversar com descendentes, Lauro Luiz esteve reunido com o prefeito Carlos Alberto Bohn que repassou um livro da História de Mato Leitão, publicada por Otto Dick (março de 1999). O livro vai auxiliar no trabalho de pesquisa sobre a família Henkes. Um dado curioso, revelado por Lauro Luiz, é de que as pessoas com sobrenome Henckes (com c) possuem os mesmos ancestrais. “O que ocorreu foi um erro de cartório, na escrita”, completou.

Os descendentes da família Henkes que quiserem compartilhar informações com o pesquisador poderão manter contato pelo telefone (51) 9 9971-4563. AI/RC

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui