Oito pessoas são presas em operação contra quadrilha que falsifica, transporta e comercializa agrotóxicos no RS e em mais três Estados

Na ação, foram apreendidos defensivos agrícolas, produtos químicos, armas de fogo, munição e celulares


0
Foto: Polícia Civil / Divulgação

A Polícia Civil deflagrou, nesta terça-feira (22), a Operação Alquimia com a finalidade de desarticular uma organização criminosa que cuja atividade principal é a falsificação, transporte e comercialização de agrotóxicos falsificados. Foram cumpridos 53 mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão preventiva em quatro Estados: RS, SP (Ribeirão Preto), MT (Sinop) e BA (Feria de Santana).

No RS as buscas concentraram-se nas cidades de Cruz Alta, Ijuí e Cachoeira do Sul, mas também serão realizadas em São Borja, Santana do Livramento, Pantano Grande, Candelária, Passa Sete, Joia, Bagé, Pejuçara e Santa Cruz. Em Ribeirão Preto (SP) foram cumpridas dez ordens judiciais. Também haverá bloqueio de contas e apreensão de veículos. Oito pessoas foram presas, cinco preventivamente e três em flagrante.

Na ação, foram apreendidos defensivos agrícolas, produtos químicos, armas de fogo, munição, celulares, contratos de locação de imóveis e maquinários, notas promissórias, cheques e diversos documentos probatórios. O grupo atua há anos no Estado, e tem como principal líder e fornecedor dos falsos indivíduo que reside na cidade de Ribeirão Preto, local onde os produtos são “fabricados” e depois transportados para várias regiões do país, dentre elas o RS.

No Estado, esses produtos são armazenados em depósitos clandestinos nas cidades de Ijuí e Cruz Alta, de onde são repassados a integrantes da organização para serem negociados com os agricultores de outras regiões.

Fonte: O Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui