Jogador Willian Ribeiro ganha liberdade provisória

Após agredir árbitro da partida entre Guarani de Venâncio Aires e São Paulo de Rio Grande, o jogador foi preso. Ministério Público vai recorrer da decisão


0

O jogador William Ribeiro, de 30 anos, ex-atleta do São Paulo de Rio Grande, recebeu liberdade provisória após audiência de custódia na tarde desta terça-feira (5), em Venâncio Aires. Ribeiro agrediu o árbitro Rodrigo Crivellaro, com um soco e um chute na nuca, em jogo válido pela série A2 do Campeonato Gaúcho, na noite desta segunda-feira (4), no Estádio Edmundo Feix, em Venâncio Aires. Após a agressão, Ribeiro foi preso por tentativa de homicídio e estava sob custódia na Penitenciária Estadual de Venâncio Aires (Peva). O Ministério Público (MP) vai recorrer da decisão nos próximos dias. Ao mesmo tempo, a Polícia Civil trabalha na investigação do caso e tem o prazo de 10 dias para concluir o inquérito e sugerir ou não o indiciamento ao MP.

William Ribeiro deverá responder em liberdade. O processo deve correr nas próximas semanas, mas o julgamento pode acontecer apenas no ano que vem.

Não é a primeira vez

William Ribeiro, possui antecedentes criminais em 2009 e 2021 por agressão, além de histórico de violência em campo. Após o episódio, o São Paulo anunciou a rescisão de contrato com o atleta. O presidente do clube de Rio Grande disse que o jogador nunca provocou problemas e que era visto como uma das lideranças do elenco. CC

 


DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui