Os comerciantes que trabalham no feriado de carnaval em Lajeado

Banca Central e mercado e fruteira Benjamin optaram por abrir as portas


0
Leia Bohrer da Rocha, proprietária da Banca Central há mais de 20 anos (Foto: Caroline Silva)

O feriado de carnaval é facultativo, mas a maioria do comércio não abriu nesta terça-feira (16) em Lajeado. Diferente da comerciante Leia Bohrer da Rocha, proprietária da Banca Central há mais de 20 anos. Ela estava trabalhando desde cedo neste feriado e até às 11h já havia lotado uma folha de caderno com os registros de vendas. Ela diz que se sente bem atendendo a população. “Como tinha outros serviços para fazer resolvi trabalhar e está valendo a pena, sempre tem alguém que vem a procura de alguma coisa e estamos aí para atender a população”, comenta.

No outro lado da rua, os proprietários do mercado e fruteira Benjamin também optaram por abrir no feriado. A empresa que é familiar, tem por tradição trabalhar em todos os feriados. Elias Hauschild, um dos proprietários do estabelecimento, conta que este é o diferencial do empreendimento. “A gente sempre opta por abrir nessas datas, justamente para ter um diferencial e como nosso atendimento é praticamente todo familiar, desde quando abrimos a empresa esta é nossa proposta de abrir o ano todo com horários diferenciados”, destaca.

Dois dos proprietários do mercado e fruteira Benjamin (Foto: Caroline Silva)

Conforme ele, o maior movimento é no final do dia de feriados e neste carnaval seguirão trabalhando até à  22h. “Geralmente nos feriados a procura maior é no final do dia porque muitas pessoas voltam do feriadão e percebem que está faltando algo”, conta.

Texto: Caroline Silva

jornalismo@independente.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui