Paella, o prato festivo dos espanhóis

Saiba como fazer um paella marinera muito apetitosa!


0

A primeira receita de Paella documentada aparece em um manuscrito do século XVIII.
Esta receita foi originalmente nomeada de Arroz a La Valenciana. A região de Albufera, na província de Valência, leste da Espanha, é muito conhecida por seus campos de arroz, um legado dos Mouros que conquistaram a Península Ibérica no século VIII.

Com a disponibilidade de arroz e outros ingredientes frescos, camponeses e trabalhadores locais criaram o Arroz a La Valenciana, hoje Paella Valenciana, considerada um dos pratos com arroz mais famosos do mundo. Naquela época, os moradores se juntavam para o almoço levando o que haviam colhido no local e cozinhavam a Paella em cima de uma fogueira com galhos de laranjeira. Um prato teoricamente simples, com ingredientes do campo e consumido em grupo.


ouça o direto ao ponto

 


Paella em Valenciano é o nome da panela em que este prato é feito e tem como origem a palavra latim patella. Mas a Paella não é qualquer panela, ela parece uma frigideira rasa e bem larga com uma alça de cada lado, o fundo é quase plano, o que garante o cozimento uniforme do prato. Existe também a teoria que a palavra paella significa ’sobras’ traduzido da palavra árabe baqiyah, novamente sob influência dos Mouros.

Muitos acreditam que a Paella Valenciana seja um prato de arroz com frutos do mar, o que é um grande equívoco. Lembrando que a Paella surgiu como um prato de campo e não de mar. Na sua origem, se utilizava carne de frango, coelho ou lebre, caracóis e ocasionalmente carne de pato. Passado algum tempo, a Paella difundiu-se e alcançou o litoral. Aí sim acrescentou-se os frutos do mar: camarões, lulas, vôngoles, mexilhões, lagostins e polvo.

A Paella é um prato festivo que os espanhóis saboreiam em datas marcantes como casamentos, aniversários, batizados, feriados religiosos e finais de semana.

Paella marinera

Ingredientes

* 2 xícaras de arroz arbóreo ou arroz para paella
* 4 xícaras de caldo de camarão
* ½ kg de lula
* ½ kg de camarão fresco (dos grandes, com cabeça)
* 1 xícara de conchas e mexilhões (a gosto)
* 1 cebola
* 1 tomate médio
* ½ pimentão vermelho
* 2 dentes de alho grandes
* ½ xícara de ervilha (se for congelada, cuidado com o excesso de água)
* Um pouco de salsinha fresca picada
* Azeite de oliva extra virgem
* Sal, pimenta e açafrão a gosto

Modo de preparo

* Limpe os camarões e reserve as cabeças e as carcaças. Faça um caldo deixando ferver em 4 xícaras de água. Coe e guarde o caldo.
* Limpe e corte as lulas em rodelas.
* Lave as conchas e mexilhões com bastante água.
* Coloque azeite na paellera e frite o alho, a cebola, o pimentão e o tomate. Adicione sal e pimenta a gosto.
* Em seguida coloque as lulas, os mexilhões e as conchas para que cozinhem durante alguns minutos.
* Adicione o arroz e mexa para que se espalhe de maneira uniforme. Coloque o caldo do camarão e mexa bem. Adicione o açafrão.
* Agora é hora de adicionar as ervilhas, os camarões e a salsinha. Acerte o tempero.
* Deixe cozinhar até que o caldo esteja quase seco. Abaixe o fogo, tampe e deixe cozinhar por 15 minutos.

Texto por Marcos Frank, médico e gourmet

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui