Para conter inflação, taxa Selic pode chegar a 11,75% nesta semana

Com a alta dos preços, a expectativa do mercado financeiro é que a taxa básica de juros aumente um ponto percentual


0
Foto: Agência Brasil

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central define nesta quarta-feira o novo patamar dos juros básicos da economia brasileira. A previsão do mercado financeiro é de que a taxa Selic aumente mais 1 ponto percentual, em uma nova tentativa de conter a inflação.

Caso as expectativas sejam confirmadas, será o nono aumento consecutivo e a taxa básica de juros passará dos atuais 10,75% para 11,75% ao ano, maior nível desde fevereiro de 2017.

A alta dos preços internacionais do petróleo após a invasão da Ucrânia pela Rússia elevou os custos dos combustíveis. A Petrobras reajustou desde sexta-feira cerca de 25% dos preços do diesel em suas refinarias e um aumento de 18% para a gasolina.

A recente escalada nos preços das commodities e previsões de alta da inflação de alimentos e energia podem impactar a decisão do Copom. O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), que mede a inflação oficial do país, subiu 1,01% em fevereiro, acumulando alta de 10,54% em 12 meses.

Fonte: Correio do Povo

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui