PDT credita comportamento vergonhoso a quem requisitou auxílio de forma indevida

Presidente estadual do partido pede que cada caso seja analisado e nenhuma injustiça seja cometida.


0
Entrevista no Programa Encontro Maior com Renato Worm (Foto: Divulgação)

O PDT do Rio Grande do Sul elabora as relações de candidatos para o pleito de novembro deste ano. O objetivo é eleger até 90 prefeitos, 90 vices e 1.000 vereadores. O presidente estadual do partido, Pompeo de Mattos, concedeu entrevista ao Programa Encontro Maior da Rádio do Vale e explicou que a sigla faz uma seleção dos nomes apresentados.


ouça a entrevista 

 


 

Pessoas que solicitaram o auxílio emergencial de R$ 600 de forma indevida, por exemplo, não devem ser aprovadas. O parlamentar atribuiu um comportamento vergonhoso àqueles que requisitaram o benefício de forma irregular.

Pompeo de Mattos também relatou que é necessário analisar cada caso para não haver generalização. Ele disse que ser candidato não é sinônimo de riqueza. GL

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Por favor, coloque o seu nome aqui